Nunca daria ciclo suficiente

426…

7 comentários

ISTO NÃO É DESPERDÍCIO!

O REAL desperdício é este

Mas temos de admitir que a tarefa do CALHAU não é fácil!

Conseguir acertar neste ínfimo grão de areia que circula na extremidade de tantos grãos de areia – que apelidamos de galáxia – é tarefa que só o Senhor Acaso pode solucionar… Mas que é possível, lá isso é, e é igualmente desejável que ocorra no mais curto espaço de “tempo”!

Infelizmente os CALHAUS não têm esta idiota noção de “tempo”!

Anúncios

Autor: voza0db

Louco mas Pouco!

7 thoughts on “426…

  1. Grande Voz, relaxa, o calhau ’tá chegando!
    Se não chegar, vou lá buscar! 😀

    Estou com uma mórbida curiosidade: será que eu sou algum tipo de cerca elétrica?
    Pergunto isso porque há pouco tempo, não faltava palpites por aqui, e agora só sobra nós!
    Tinha um santo cheio de “cultura” que achava pertinente usar o buraco de cagar para sexuar, depois que expliquei “cientificamente” que buraco de cagar só faz nascer merda, ele parece que entendeu e provavelmente foi procurar um laxante para limpar os vermes que o atacavam no cérebro!
    O personagem que achava que a palavra dele era tão excelsa que podia escrever fora do tópico afinal ele era fofo, depois que foi desnudado em seu ego inflado só se manifestou para “dar um like” para texto irracionalmente hidrofóbico do rapaz que aparentava que seria passível de cura.
    O rapaz que parecia ser passível de cura sofreu algum ataque no seio familiar e atacou com toda sua frustração “herbófoba” inundando de spam seu blog, acabou mergulhando na burrice perene e não mais saiu!E bastava ele deixar de comer defunto por uns dois anos para se curar!
    Mas obeso que é, preferiu a bacalhoada da mamãe ao argumento sólido e clorofilado!
    O azulado sumiu talvez para estudar mais sobre pistola caseira.
    Não citei os mutantes travestis que apareciam com diversas denominações porque judeus não contam, são golens.

    E só sobra (mas não sossobra) a causticidade em pessoa a palpitar e rogar, em coro com a Voz decibelisticamente dominante, pela calhauzada higienizadora!

    O mais “espantoso” é que acontece isso em todo canto que a entidade corrosiva se aboleta!
    mas como nos outros cantos os “likes” valem mais do que os “strongs”, a corrosão consome tudo e deixa as lixeiras cristãs a babar oligofrenicamente entendendo-se especiais e merecedores de tudo o que os outros não merecem e desmerecedores de tudo o que os outros merecem!

    Se prometerem que voltam, eu dou um tempo e só entro quando eles estiverem já instalados e palpitantes! KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    Do jeito que anda a coisa você receberá um abaixo assinado pedindo mais quantidade do que qualidade! :´D :´D :´D
    Mas não se esqueça de baixar o nível de seus posts e comece a levantar a bandeira da imbecilidade perene! 😀

    Mas se não se importa com ácido aspergido aqui e ali em seu blog, pode deixar como está, afinal de contas cedo ou tarde o calhau chega e a galera vai ter que inventar uma forma de fugir só usando o botão delete ou então vão ter que aprender a agasalhar no botão deletado! 😀

    Devo ser o patinho feio e não vou virar cisne!
    Ainda bem!!! 😀

    Gostar

    • A única coisa que se me apraz escrever é:
      Este espaço virtual não é para fracos nem para desequilibrados.

      Dito isto espero que os que o visitam deixem pensamentos que nos façam ficar ainda mais equilibrados e fortes.

      😎

      Gostar

      • Grande Voz,
        Dá orgulho frequentar blog de vegetariano, só tem Popeye!! 😀

        E tem quem diga que só loucos jogam pedra na Lua!! 😀

        Mas se o negócio é agregar valor, vamos trabalhar!
        Observando essa questão do analfabestismo do calhau em relação ao tempo, talvez isso seja uma das peças mais fundamentais para a desintegração do espírito do ser humano.
        E os analfabetos estão em tremenda vantagem em relação aos alfabetizados na questão temporal!
        Os doutores dizem: Existem características que determinam se um algo qualquer é vivente, e essas são a motilidade (isso inclui os processos metabólicos e os movimentos e crescimentos e até as “murchações”) e a consciência.
        Mas é evidente que tudo o que existe É VIVO E CONSCIÊNTE, visto que percebem e são percebidos, ou seja, a rocha só existe porque eu a percebo e se eu a percebo, ela também me percebe, visto que só existe o que percebemos, e se o que percebemos reage a nós seja na forma do tato, da visão, da audição, etc. mostra que esse algo também nos percebeu, tanto percebeu que gerou uma resposta sensorial em nós!

        As rochas só são inanimadas porque são muito lentas, uma respirada de uma pedra leva talvez milhares de anos para nós, da mesma forma que o fogo é exatamente o contrário!
        O fogo não pode saer pego, pois só conseguimos acessar o “big bang” de um universo absolutamente mais rápido que o nosso na forma de aceleração de nós mesmos, ou seja, o calor que sentimos diante do fogo é apenas a aceleração metabólica decorrente da injeção de tempo nas nossas células, as rochas nos percebem da mesma forma, uma montanha quando é consumida pelas mineradoras apenas grita enquanto seu corpo é queimado e consumido em poucos segundos!!!
        As rochas não são duras, elas são como nos “seres vivos”, mas nós somos tão rápidos, tão fugazes, que elas só nos percebem como um tipo de fogo ou luz e nós as percebemos como eternas, duras, inanimadas!
        Mas se fossemos fazer pressão em um único ponto de uma rocha de granito por toda nossa vida, provavelmente essa pedra no momento que morressemos, sentiria que algo a tocou muito de leve, ela nunca entenderia que uma outra consciência tentou fazer contato através da equalização temporal!
        Um fósforo quando o acendemos é nada mais do que a formação de um big bang, é a expressão máxima de Shiva que se converte em Vishnu, o fogo perene e “controlado” e” permanente” e finalmente culmina em Brahma, uma outra matéria (o carvão) é criada!
        Nesse período entre a ignição (big bang), a queima (o universo não em expansão, mas em ondas, em ciclos vivos) e a extinção do fogo (o fim do universo, quando ele é entropicamente engolfado por um outro universo inimaginavelmente maior, que por sua vez é outro big bang qde algo só suposto por algo que já está nesse big bang “maior”!
        São universos dentro de universos, a consciência não tem escolha, para existir tem que ser consciente e só consegue isso através da percepição, só percebendo e sendo percebida é que a consciência se torna consciênte de si!
        A maldição da consciência é que ela não tem como se acabar, apenas se esquecer e não porque tem má memória, mas porque o que ela vive não existe por sí só, é preciso que perceba para que seja percebida, é só pode ser percebida se conseguir gerar a lembrança nas coisas percebidas dela mesma! Por isso fotos não prestam, essas desgraças são VUDU, são a forma maldita da entidade “merdita” prender as consciências dentro do maldito sonho/realidade (são a mesma coisa, só o que muda é a quantidade de personagens sonhando o mesmo sonho, se só um sonha, é sonho, se todos sonham, é realidade e a razão é banal: se eu pergunto para alguém se estamos em um sonho, todos irão dizer que não, é duro, é real, e assim todos denominando um sonho realidade!) dela!
        Para nos lembrarmos de nós mesmos sem as barreiras temporais, sem a catequese, a “alfabetização temporal”, somos obrigados de “matar” nosso eu nesse sonho, de forma que acabaremos nos lembrando de nós mesmos. Nosso existir não passa de um loop estúpido, uma rotina de computador que não tem como sair de si mesma, presa em algorítimos pré estabelecidos por outrem e não por nós mesmos!

        Uma pedra só é uma pedra porque desde que nascemos somos entupidos por informações e paralelismos analógicos de que isso é isso ou é aquilo!
        Tudo é vivo, alguns mais estúpidos esquecem disso porque preguiçosos preferiram viver em sonhos já construídos e or ganizados em vez de ter o trabalho de fazer o próprio mundo!
        Se as pessoas pudessem ler e entender o livro “A Arte de Sonhar” de Carlos Castañeda, entenderiam o que é a manobra do desafiador da morte e que ela é pássivel de ser feita por qualquer um, desde que tenha energia para isso!
        É importante observar que quando estabelecemos uma meta com foco total estamos fazedo essa mesma manobra de forma demente, dentro do sonho de outrem, mas mesmo assim ela funciona, e sabemos todos que o poder da fé move montanhas!!
        Somos seres absolutamente mágicos, infelizmente o umano lixo é covarde para vislumbrar e se excitar com essa verdade, covardes e preguiçosos preferem continuar no mundeco de deus, o “I-MUNDO”, o mundo da “inteligência”.
        Só o que posso dizer a esse tipo é: Pasta, pasta, pastando se não conseguir entender porranenhuma pelo menos já está de quatro, e quando entrar a naba deuteronomial nem vai precisar se agachar! 😀

        É como eu digo, é só termos fé que o calhau há de chegar.

        O outro dia, a nasa falou de um sistema solar do tamanho da órbita de Júpiter que tem as órbitas dos planetas, sete no total, a mesma quantidade de luas do tal nibirú, e disse que é uma anã marrom, exatamente como os sitchinescos fanáticos de nibirú descrevem o tal mítico sistema solar gêmeo do sol, só que disse que o infeliz estava lá na casa do caralho há uns 39 anos luzes daqui!
        Pode ser mais uma história de carochinhas para garantir a suave e perene imposição da “nova órdem mundial” (a consumação da promessa de deus para os filhotes dele, os judeus) sem maiores ameaças da parte do gentios, afinal sabemos que a forma mais fácil de impor uma agenda é mostrando outra!
        Mas se for verdade, eu desconfio que esse número de 39 anos luzes é na verdade uma forma de dizerem sem dizer qual o tempo que resta para o impacto do calhau, só não sei sé em anos, meses, semanas ou dias, mas devem ser luas, uma medida para todos nao importando a temporalidade!!

        Mas o que importa mesmo é saber que nada vale a pena a não ser saber que não há suavidade em saber que nada vale a pena, pois só uma pena vale uma pena!

        Dá gosto ser vegetariano!!!! 😀

        Gostar

    • KKKK, tô aqui só observando.

      O negocio estava meio “agitado” mesmo e sinceramente estou sentindo falta.
      Quer queira ou não o debate é construtivo. Vamos esperar que o santo seja revelado, o ching-ling vire japorongo, que o dr. h tenha seguido o “VTNC”.

      Espero que as moçoilas compreendam que de vez em quando a chulice se faz necessária.

      Eu continuo Azul, estive fazendo umas peripécias e tive que parar o para-belo mas está quase pronto. Descobri que não precisa de retrator e estou apanhando um pouco da mola canina.
      Todinha “inenferrujavel”, brilha mais que catarro na parede.
      kkkkk

      Gostar

      • Caro Azul, eu sei como é, acabamos tomando gosto por baixar o sarrafo nos cadavoristas desavisados, e ficar sem ninguém para baixar a lenha é complicado!
        Mas quem manda os necrófagos serem tão fracos em argumento!! Devem ser os cérebros esponjiformes tal e qual o das vacas loucas por darem ração de defunto para elas!
        Qualquer ataque, recorrem logo a religião, seja clamando pelo cristo redentor, seja clamando pela religiência, mais na moda!
        Aliás, a religiência já passou há muito tempo na quantidade de adeptos, basta ver a quantidade de gente que vai a igrejas, mesquitas, templos e a quantidade que fala com os nefilins nas nuvens via smartfones!

        O mais interessante é que hoje em dia para medir a inteligência de alguém basta ver se usa ou não smartfone, quanto menos smart mais smartfone usam! 😀
        Nem preciso dizer que a incidência de macacos pelados nefelibatas é infinitamente maior que a de macacos peludos dendrobatas! 😀
        As pessoas ainda não se tocaram que esse papo de nuvem é exatamente o que deus prometeu!
        O rebento dele não disse que todo mundo vai virar anjinho e viver nas nuvens?
        Pois é isso, todo mundo colocando nas nuvens suas rasas vivencias selfiescas e depois que morrerem é só fazer o download para um smartclone e voilá, o morto levanta e se torna um walkingdead!
        Todos ao lado do senhor, todos controlados pelo o que controla a nuvem e seus backups!
        Está tudo no contrato bíblico com seu milhar de páginas!
        Mas a cambada não lê, acham que as letras pequeninas do contrato dão trabalho!
        E o contrato bíblico é feito só de letras pequeninas!!
        Parece que a cambada não se toca que o que pega nos contratos SEMPRE são as letras pequeninas!!!
        Deus e judeus agradecem!
        Será que os judeus são o judiciário de deus? É ju+deus, se formos criar um paralelo com as salafragens perpetradas em judiciários, e pelos que são escolhidos juizes, pelo imundo afora veremos que só pode ser!

        Tu não tinha uma comparação mais legal não?
        Algo como “mais brilhante que uma buceta babando inchadinha de tesão”, ou quem sabe “mais brilhante que uma esplendorosa manhã ensolarada” ou “mais brilhante que uma manga madura lá no último galho da mangueira”, mas lembrar das catarreiras comuns nas paredes de escolas só nos remete á imbecilidade maldita que é frequentar escolas e assistir seus acéfalos professores! As únicas coisas boas das escolas era ver os pentelhinhos das meninas saindo dos colants, nos movimentos mais enérgicos decorrentes das esportividades, as meninas e algumas professoras, é claro! Foram punhetas intermináveis!! 😀 😀 😀

        Tente redesenhar o projeto do mecanismo, talvez até acrescentando ou retirando peça, nem sempre as soluções encontradas pelos autores foram as mais eficazes.
        Tente novos caminhos, novos mecanismos, mantendo a lógica, mas radicalizando nas mudanças, um brainstorm desses vale a pena e muitas vezes os resultados surpreendem!
        Tem alguma diferença de memória entre aço inox e não inox? Eu já percebi que a fadiga em aços inoxidáveis parece ser menor, mas não descarto ser apenas uma impressão minha.

        Gostar

        • Caro Vapera,

          Graças a mim posso dizer que estou salvo de voar por estas nuvens, tenho um “espertinho” meia boca com um aplicativo de calculadora e só.Nem o zapzap eu tenho apesar de por conta do trabalho me parecer útil mas não indispensável.
          As vezes alguém diz: eu te mando a foto pelo zap. e eu: Eu lá tenho porra de zap, essa porra vai acabar com o mundo!

          Aquele mecanismo é bom, o problema é a mola.
          Me parece que mola tem que ser temperada num forno numa temperatura/tempo certo e deixar esfriar baixando a temperatura, pois a tempera manual, por a mola ser pequena e fina, ela quebra ou não tem tensão suficiente.
          O espaço para as peças é pequeno e exige uma certa precisão, se soubesse teria aumentado a escala e partido logo para 380 ou 9 que é mais fácil de encontrar do que 25/635.
          Mesmo assim vale a pena já que praticamente já sou “armeiro” devido ao processo de tentativa/erro, fui obrigado à entender a ordem cronológica da construção (é um tal de arruma aqui estraga ali).
          Na próxima sera mais fácil e melhor.

          Quanto ao inox a diferença básica é o acabamento que é o “na lata”.
          Se fosse de ferro teria que fazer oxidação preta para não oxidar (sic), e como tinha chapas inox juntei a fome com a vontade de comer!

          O inox é basicamente 75% de ferro 25% cromo/níquel, e o oxido de cromo não deixa o oxido de ferro se precipitar, ou seja se você riscar o inox o cromo oxida e protege o ferro.

          Quanto à fadiga por experiencia própria digo que o inox austenítico (linha 300) não pode levar muitos choques térmicos (levar fogo) pois trinca, no ferro já não acontece apesar dos dois terem quase a mesma ductibilidade.

          Já no caso do cano exigiria uma têmpera para não “esgarçar o buraco” e manter as pregas no lugar :-), teria que ser o 420 (ferrítico). Como fiz o carro coberto optei por um cano de 1045 mesmo.

          Aqui vai um link bom sobre inox:

          http://guides.com.br/home/wp-content/uploads/2011/12/inonx-apost-tec.pdf

          Não sei esse pensamento vai deixar alguém mais forte ou equilibrado e desde já peço ao Voz que releve.

          Gostar

          • No mínimo vai deixar alguém mais temperado!! 😀
            Valeu!
            Material muito legal esse que tu indicou, já dei uma rápida lida e já aprendi coisas!

            Tempere a mola com areia quente, e depois ainda pode usar a areia para fazer um vidro, já tens até pigmento metálico para fazer os vidros!

            Já estudou sobre sinterização, é uma maneira de conformar metais que garante boa precisão e substitui em parte a fundição em areia verde.
            O metal em pó, em mínimos pedaços atinge o ponto de fusão muito mais rápido do que o metal maciço, menos gasto energético e em peça que não vai ser submetida a esforços grandes pode ser feito dessa forma, até fica mais leve.

            E como tens ferramentário faça esperiências, use microndas ou até vibração sônica no processo de sinterização para fazer um efeito de vibrador de concreto acomodando e retirando bolhas e orientando partículas. Use Campo magnético para fazer orientação da cristalinidade, isso tudo é alquimia!! 😀
            E tu já está alquimiando!! 😀

            Vida longa à Clorofila e as Sementes!!

            Gostar

Escreve um pensamento... E não te preocupes com nada! Tens neste espaço liberdade total para escreveres o que te apetecer e como te apetecer! Sem restrições!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s