Nunca daria ciclo suficiente

696…

64 comentários

repensar_sida_invertido

“Eu não sei o nome deles, doutor…”

Deles quem?

Cliquem na imagem para iniciar o vídeo na parte que interessa, escutem com atenção!

alexandra_video(SIC – Momentos de Mudança com Alexandra Janeiro Delgado, SIDA / VIH)

Vamos lá então, à COMÉDIA!

“Recomendações Portuguesas para o tratamento da infecção por VIH-1 e VIH-2 – 2012”

Fonte

É um documento com 70 páginas, umas mais divertidas (pág. 3 e 4) que outras… Numa das menos divertidas escreveram

“A qualidade, traduzida na indicação clara de utilização dos regimes terapêuticos considerados mais adequados face à evidência científica disponível.”

Sendo a “qualidade” um dos três princípios fundamentais da actuação clínica… Não, não estou a gozar!

Regimes terapêuticos… Mais adequados…

Lembram-se da Alexandra Delgado? A jovem do vídeo? Óptimo… Vamos lá então às DROGAS que são utilizadas em Portugal

LAMIVUDINA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações do Infarmed (pág 2)

Abacavir

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações da Europa (pág 69)

Atazanavir

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações da Europa (pág 150)

Ritonavir

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações da Europa (pág 6)

Zidovudine cancro_simbolo

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações da Europa (pág 32)

Mais informação sobre esta droga no final…

Darunavir

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações da Europa (pág 3)

Efavirenz

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações da Europa (pág 240)

Emtricitabina

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações da Europa (pág 28)

Tenofovir disoproxil fumarato

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações da Europa (pág 28)

Fosamprenavir

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações da Europa (pág 4)

Lopinavir

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações da Europa (pág 8)

Maraviroc

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações da Europa (pág 6)

Nevirapina

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações da Europa (pág 7 e 42)

Raltegravir

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações da Europa (pág 27)

Rilpivirina

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações da Europa (pág 4)

Saquinavir

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações dos EUA

Informações sobre a sua composição, utilização, posologia e contra-indicações da Europa (pág 3)

Curta lista!

Bem mas o que importa é: Para que servem estas maravilhosas drogas, produtos de corporações farmacêuticas que se preocupam com a Humanidade?

TODAS ELAS, SEM EXCEPÇÃO, NÃO CONSTITUEM UMA CURA

PARA A INFECÇÃO PELO VIH, NEM PARA A SIDA.

E além disto, enquanto se intoxicam com estas belezas – das quais nem o nome sabem – da farmacêutica moderna, podem continuar a desenvolver tudo e mais alguma coisa. Como estas drogas arruínam o Sistema Imunitário, o Fígado, os Rins, a Medula, etc (praticamente tudo o que importa para nos mantermos saudáveis e capazes para combater infecções virais e/ou bacteriológicas), o mais certo é que o final seja simplesmente a morte!

E eles até avisam

“WARNING: Lamivudine can cause serious, life-threatening side effects.”

“AVISO: a Lamivudina pode causar sérios efeitos colaterais, incluindo o risco de vida.”

Mas quem é que vai perder tempo a ler as informações das drogas das quais nem os nomes sabemos, não é verdade?

Basta-vos, caso tenham curiosidade, ler as ligações de cada uma! Todas afirmam o mesmo… O que é no mínimo divertido!

Então, mas se não servem para curar a infecção pelo VIH, nem a SIDA, e permitem que outras infecções/doenças se desenvolvem, então se os “doutores” as prescrevem aos “doentes” é porque lhes traz algum benefício?

Depende do que cada um considera benefício! Para mim, pessoalmente, ser intoxicado para o resto da vida, definhar lentamente, e acabar assim

intoxicaçãonão me parece que seja lá muito benéfico! Mas isto é apenas para mim! Mas como há gostos para tudo…

Então o que move esta gente do Complexo Médico-Farmacêutico e restantes actividades conexas?

O mesmo do costume! Fama, Glória e DINHEIRO! Sendo que o mais importante é o DINHEIRO, obviamente.

Fama?! Sim meus queridos e estimados leitores FAMA… Vejam lá se gostam,

Este slideshow necessita de JavaScript.

Então que tal? Não é lindo de ser visto? Todas estas tipas fazem esta figura sem saber o Homicídio Colectivo que estão a promover e a incentivar, mas também deste tipo de “pessoas” não se pode, nem deve, esperar muito! Que tal uma foto de grupo para a posteridade?

Infeccao_Final

Infelizmente os milhões que o estado desperdiça a intoxicar os etiquetados de “Portadores de VIH” é algo que ultrapassa a minha infantil compreensão.

Assim sendo andamos a gastar milhões em drogas que só servem para intoxicar os imbecis que as tomam, e que ainda por cima nem sequer servem para curar a infecção e/ou a SIDA.

“MAS NÃO EXISTE CURA PARA A INFECÇÃO NEM PARA A SIDA!”

Isso pensa a maioria de vocês, estou certo… Como andam distraídos com outras coisas deixo-vos a transcrição da entrevista feita ao

PRÉMIO NOBEL DA MEDICINA 2008 – O senhor Luc Montagnier

LUC: “Podemos estar expostos ao VIH muitas vezes, sem ficarmos ‘cronicamente’ infectados, o nosso Sistema Imunitário livra-se do vírus num espaço de poucas semanas, isto se tivermos um bom Sistema Imunitário”

Entrev: “Se tiver um bom Sistema Imunitário, então o seu corpo consegue-se livrar do VIH?”
LUC: “SIM”

Entrev: “Se pegar num Africano pobre que está infectado e lhe recupere o Sistema Imunitário é possível para eles também se livrarem dele (VIH), naturalmente?”
LUC: “Penso que sim.”

fonte

E se a palavra do Nobel da Medicina que “descobriu” o “VIH”, não serve para alertar o pessoal, então nada servirá!

E serão estas drogas boas para manter um bom Sistema Imunitário? Está mais que comprovado que não! Mas pelo que vejo, ninguém quer saber, nem mesmo os imbecis que as ingerem.

Mas já estou a escrever de mais!

Na próxima mensagem sobre a Comédia Dogmática “VIH é a causa da SIDA” vos mostrarei uma droga bem mais barata e com efeitos secundários não letais, e que faz o mesmo que estas BOAS DROGAS que andam por aí a prescrever. Tenho por certo que a maioria destes médicos estavam a fazer figas aquando do juramento dos “Hipócritas”, digo, de “Hipócrates”!

Já agora… Se por acaso alguém que leia isto conhece a Alexandra Delgado, abram-lhe, ou pelo menos, tentem-lhe abrir os olhos!

cancro_simboloTive que editar a mensagem pois esqueci-me desta beleza…

Esta droga Ziduvodine é também conhecida pelo nome de AZT, ou Azidothymidine. E está classificada como

QUÍMICO CANCERÍGENO DESDE 18 DE DEZEMBRO DE 2009

Fonte

Ora se é cancerígeno para os bacanos da Califórnia, não vejo porque motivo não será também para os bacanos de Portugal! Curiosamente foi este químico que matou milhões de pessoas no início do Homicídio Colectivo, mais conhecido por “VIH/SIDA – HIV/AIDS” pois era ministrado em doses absurdas e claro que os infelizes que optaram por as tomar naquela época inicial já morreram… Apesar de tudo continuam, os “doutores” a prescrever drogas cancerígenas às pessoas etiquetadas de “VIH+”…

Autor: voza0db

Louco mas Pouco!

64 thoughts on “696…

  1. Com todo o respeito por esse senhor laureado com o premio Nobel, sem conhecer o contexto em que ele afirmou tal coisa. Mas parece-me uma visão bem reducionista da doença. A SIDA, e apesar da grande prevalência em Africa, é uma doença a nível mundial. Quando foi identificada, por médicos ocidentais, os infetados tinham um prognóstico muito negro, duravam poucos anos e existe casos bem documentados e ate mediáticos, assim de repente Freddy Mercury, ou o Antonio Variações em Portugal e não me parece que estivessem subnutridos, nem que se possa combater a doença com comida, no ocidente ela não falta e nos anos 80 os mortos com SIDA foram aos milhares. Os medicamentos desenvolvidos foram exatamente para explorar a capacidade económica dos doentes ocidentais e com capital, sendo que agora o que é explorado é a “caridade” ocidental ao enviar esses medicamentos, que como tão bem disse não são curativos, para africa. Pois esses medicamentos, não são curativos, mas são paliativos e mesmo com todos os efeitos secundários que fala aumentam em muito a esperança de vida de uma pessoa com SIDA. Ao ponto de a doença ser considerada hoje em dia, não uma doença aguda de morte rápida, mas uma doença cronica controlável.
    Estes medicamentos estão longe de ser ideais ou inócuos mas é inegável que resultam e adiam a morte do doente. Isto cria um problema maior, em vez de ajudar, (correndo o risco de ser politicamente incorreto), a mim mete-me mais confusão se vender medicamentos que por pior que façam, ajudam o doente a viver mais tempo e a propagar a doença, ou seja vender medicamentos que no final não são feitos para acabar com a doença mas sim de forma a mante-la e a propaga-la, do que propriamente por eles terem efeitos adversos potencialmente perigosos. Porque perigosa já é a doença em si, para o doente tem pouca importância estar em risco de desenvolver um cancro em 20 anos se tem uma doença que sem controlo o mata em 2. Não quero entrar em preciosismos mas você dá enfase ao ataque dos medicamentos a sistema imunitário, mas como pessoa bem informada sabe com certeza que esta doença ataca precisamente o sistema imunitário. Acaba por ser um combater “fogo com fogo”, que a mim, choca bem pouco. Se se fosse evitar tudo o que é potencialmente perigoso, potencialmente cancerígeno, potencialmente alergénico, não se comia nada, não se ingeria líquidos, não se respirava sequer, lembre-se do malvado oxigénio o elemento que sem ele não se vive mas que nos oxida, nos “enferruja”, nos mata aos poucos. Podia meter um rotulo numa lata de oxigénio, sem mentir, de potencialmente cancerígeno, potencialmente venenoso, oxidante muito potente e mesmo assim você ia chegar a uma altura, 2-3 minutos depois de ter desistido de respirar que se calhar era melhor correr o risco e voltar a respirar, apesar do oxigénio não ser só rosas.

    Gostar

    • Olá H.

      Como o seu discurso é típica propaganda dogmática, e agora não me apetece perder muito tempo a refutá-la parágrafo a parágrafo (com recurso a estudos científicos publicados), não quero deixar de me RIR 😆 dos exemplos mediáticos que aqui referiu especialmente do homossexual assumido, drogado e bêbado Freddy Mercury (com estes comportamentos de risco tinha de certeza um SI de topo!!!) , que era um dos elementos pertencentes aos grupos de risco de GRID! Mas enfim… Vou ver se ganho vontade amanhã para responder minimamente, pois a quantidade de propaganda que aqui escreveu quase se pode considerar SPAM do complexo mafioso médico-farmacêutico.

      Mas já agora só para me situar a nível de resposta, quais as suas fontes de conhecimento no que diz respeito à hipótese “VIH é a causa da SIDA”?

      E também relativamente à sua afirmação “…uma visão bem reducionista da doença”, o bacano do Nobel é apenas e só um especialista MUNDIAL sobre “VIH”, SIDA, virologia e stress oxidativo desde o início da hipótese, logo com alguns anitos de blábá!

      Só para terminar com alegria… A pior e mais letal doença que existe é a VIDA… É sexualmente transmitida e termina abruptamente com a morte do indivíduo após cerca de 75 anos de incubação 😆 Por isso o O2 é uma brincadeira, junto com a H2O!

      Até lá 😎

      Gostar

      • Os exemplos que dei foram apenas para provar como a doença sem esses medicamentos mata depressa, são dois exemplos de jovens bem nutridos, que morreram em poucos anos. Estavam em grupos de risco, sim tal como todas as pessoas que façam sexo sem proteção e mesmo esses… Não sei onde estou a fazer propaganda no que escrevi, quando lhe disse que essa medicação não só não cura como ainda ajuda a propagar mais a doença… Mas tudo bem entenda como quiser. Fosse verdade e me pagassem bem…
        As minhas fontes de conhecimento são as que têm base cientifica, as que relacionam o vírus os seus receptores a nível molecular, as células especificas que infecta, o seu ciclo de replicação e modo de propagação no hospedeiro, o efeito na contagem celular de TD4 e os sintomas que as pessoas apresentam. E as suas quais são? Não me vai querer convencer que anda tudo enganado e afinal a SIDA é provocada por uma entidade desconhecida tipo magica que ninguém sabe o que é e que o VIH é uma coincidência, ou vai?

        Gostar

        • Já vi que gosta de desviar para o que lhe interessa “jovens bem nutridos” só pode estar a gozar “homossexual (sabemos lá o tipo de sexo e drogas auxiliares usadas), drogado e bêbado” é pelos vistos para si sinónimo de “bem nutridos”…

          Células CD4 mudam de quantidade durante o dia que até mete impressão! São tudo menos um marcador de algo, quanto menos de “SIDA”!
          Depois temos pessoas com contagens baixas e perfeitamente saudáveis, e temos o oposto, pessoas com contagens altas e doentes que dói!

          Já que fala em sexo sem protecção! Qual o risco para homens que fazem sexo com mulheres HIV+ em países de alto rendimento, contraírem o “VIH” por acto sexual?

          Gostar

          • Não estou a desviar nada, mas afinal você está a falar-me de alimentação na prevenção e cura ou está a falar-me de comportamentos de risco apenas na infecção. Lá por serem homossexuais não quer dizer que não fossem nutridos ou não tivessem cuidado com o corpo deles, esta a ser extremamente preconceituoso além de estar a pegar apenas nos exemplos que dei, quando apenas me referi a eles para provar que é uma doença de rápido desenvolvimento e morte rápida.
            Não sei qual os números da transmissão entre hétero sexuais, presumo que você sabe, mas deve saber que existe é possível e não se pode ignorar. Não há só homossexuais com SIDA! Mas se não é um vírus de transmissão sexual qual é a causa e a desculpa então para os números que tem?

            Gostar

            • Você começa a misturar tudo… O bacano tinha o SI rebentado devido a ser um drogado, bêbado, e provavelmente ter práticas sexuais que na época eram altamente prejudiciais para quem as praticava. E quem afirma isto não sou eu, sou os próprios homossexuais que debatem os temas sem terem a necessidade de afirmar as tretas do costume “esta a ser extremamente preconceituoso”. Eu também nunca afirmei que só os homossexuais tinham SIDA… Além disso apenas dizem que o tipo morreu de SIDA pois fez um “teste” que apenas detecta anti-corpos não específicos e que tem tanta utilidade como um termómetro. Os números que estão disponíveis nos estudos efectuados mostram que de considerar 1 em 2500 actos como sendo “transmissão sexual” é um abuso! Além de que se fizermos umas contas básicas sobre práticas sexuais, então a idiotice é demasiada para ser levada a sério a hipótese apresentada!

              Gostar

              • Não sei onde foste buscar esses números mas estou curioso em saber qual a tua teoria?
                Porque neste momento o que me estas a dizer, que é uma doença que não é transmitida, ou é muito pouco transmitida entre héteros, embora haja milhões de héteros infectados em todo o mundo. Que não é o vírus aceite, mas um outro qualquer agente, que ainda não especificou. Que o principal motivo é a depressão do sistema nervoso, quando isso é também o resultado da doença HIV (vírus da imunodificiencia humana adquirida) , portanto é bem difícil separar a causa do resultado final. Mas que o sexo homossexual pode provocar SIDA, portanto esse agente é homofóbico, ou então e perdoe-me baixar o nível da conversa, levar no cu deprime o sistema imunitário só por si.

                Gostar

    • “mas como pessoa bem informada sabe com certeza que esta doença ataca precisamente o sistema imunitário. “

      Este Artigo está muito bem redigido e elucidativo! O VIH, é um vírus que ataca o Sistema Imunitário e o Sistema Nervoso Central compromemtendo totalmente a Homeostasis do Corpo-Humano! E como vírus que é, não tem vida! Logo, pode ser curável!!! Como qualquer vírus!

      Os Medicamentos que o Autor deste Artigo tão bem expôs e que são administrados aos portadores do vírus VIH, servem para quê? Para destruir ainda mais o Sistema Imunitário comprometendo a Capacidade Regeneradora inata do Corpo-Humano! Isto é de loucos, e ainda por cima são cancerígenos! Como é possível um medicamento que deveria atacar o código genético do ADN/RNA do vírus VIH, ser cancerígeno?

      “There are only 9 genes in the HIV RNA. Those genes have the code necessary to produce structural proteins such as the viral envelope and core plus enzymes like reverse transcriptase, integrase, and a crucial enzyme called a protease. “

      O código que esses genes possuem responsáveis pela propagação do vírus VIH não pode ser re-programado de forma a seu neutralizado? Claro que pode e a maneira para o re-programar está no reforço do Sistema Imunitário!

      O Corpo-Humano tem uma capacidade inata de se auto-regenerar por intermédio do Sistema Imunitário e o Sistema Nervoso Central!

      Era interessante saber quais os hábitos e práticas de vida de quem sofre dessa doença, se continuam a manter relações sexuais desprotegidas, que tipo de alimentação têm, quais os cuidados de higiene e o que fazem para tratar da doença, se apenas usam a medicação, se são vacinados!!! E como é que estão a ser acompanhados medicamente! E que tipos de medicamentos e cuidados paliativos usam!

      Os cuidados paliativos são o grande negócio das farmacêuticas em partecia com os médicos!!! Não interessa curar a doença, interessa mantê-la e este Artigo é um perfeito exemplo disso mesmo!

      Por muito que um Médico ou um Grupo de Investigação venha a público dizer que as coisas são bem mais simples do que aquilo que pintam na sociedade, eles serão sempre abafados, descredebilizados, ridicularizados para que a indústria infernal se mantenha a lucrar à custa do sofrimento alheio e de curas simples perfeitamente existentes mas que são abafadas e desaconselhadas pelo grande complexo industrial do paliativo!

      Gostar

    • “Se se fosse evitar tudo o que é potencialmente perigoso, potencialmente cancerígeno, potencialmente alergénico, não se comia nada, não se ingeria líquidos, não se respirava sequer, lembre-se do malvado oxigénio o elemento que sem ele não se vive mas que nos oxida, nos “enferruja”, nos mata aos poucos. Podia meter um rotulo numa lata de oxigénio, sem mentir, de potencialmente cancerígeno, potencialmente venenoso, oxidante muito potente e mesmo assim você ia chegar a uma altura, 2-3 minutos depois de ter desistido de respirar que se calhar era melhor correr o risco e voltar a respirar, apesar do oxigénio não ser só rosas.”

      Falácia “slippery slope argument”, “Ladeira Escorregadia”.

      Você faz parecer que o fato de permitirmos que aconteça A fará com que aconteça Z, e por isso não podemos permitir A.

      O problema com essa linha de raciocínio é que ela evita que se lide com a questão real, jogando a atenção em hipóteses extremas. Como não se apresenta nenhuma prova de que tais hipóteses extremas realmente ocorrerão, esta falácia toma a forma de um apelo à emoção do medo.

      1) Como reconhecer no discurso comum

      Argumento da ladeira escorregadia é a forma de todo argumento que rejeita admitir um critério, limite ou exceção dizendo que, se admitido, o referido critério, limite ou exceção poderá facilmente implicar certa consequência altamente indesejável, que se apresenta como apenas um grau mais avançado do mesmo tipo de critério, limite ou exceção que se quer preterir. Pode-se reconhecê-lo facilmente no discurso comum quando o interlocutor usa as seguintes expressões características:

      “Se aceitarmos X, não demorará para que aceitemos também Y”

      “É perigoso adotar X, porque ele facilmente pode levar a casos em que Y ocorra”

      “Na falta de critério objetivo para distinguir X e Y, aceitar um leva ao outro”

      Fonte: http://aquitemfilosofiasim.blogspot.pt/2012/11/formas-de-argumento-ladeira-escorregadia_4276.html

      http://ahduvido.com.br/30-falacias-mais-comum-utilizadas-em-debates-e-discussoes

      Gostar

  2. Quando digo a nível molecular estou a falar da sequenciação do seu genoma, da identificação de produtos desse genoma na célula do hospedeiro infectadas, moléculas extremamente especificas como a transcriptase reversa que não existe em mais nenhuma célula do organismo a não ser naquelas especificas do individuo infectado e da homologia exata dessa proteína com o RNA do vírus. Se isto está errado é uma grande coincidência.

    Gostar

    • “sequenciação do seu genoma” qual o estudo em que se permitiu isolar o hipotético “agente infeccioso” por forma a conseguir, depois de devidamente isolado, sequenciar o genoma?

      “transcriptase reversa que não existe em mais nenhuma célula do organismo”

      Espero que tenha bem a certeza destas afirmações que vem para aqui debitar! Já me comecei a rir…

      Gostar

  3. Dê uma vista de olhos:

    http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3916492/

    http://www.ncbi.nlm.nih.gov/nuccore/571331038

    Quanto a transcriptase reversa, sim tenho a certeza, que tenha conhecimento nem sequer existe em mamíferos nem plantas. Mas se tiver outras informações estou aberto a considera-las…

    Gostar

    • “The virus was originally recovered in the United Kingdom in 1994 during postmortem analysis of an HIV-1-infected patient by coculture on human peripheral blood mononuclear cells” Nem sei por onde começar!!!! 😆

      “The HIV-1 genome was reverse transcribed and amplified in four overlapping amplicons using a “pan”-HIV-1 primer set” qual a origem do primer set?

      H., se é para me vir falar da fraude do século XXI, poupa-me a ligações desnecessárias! Estou a falar relativamente à origem da FRAUDE! Escusas de debitar a treta actual, que é toda ela baseada em fraude laboratorial e científica que teve lugar lá no século XX

      Para entreter! http://mbe.oxfordjournals.org/content/2/6/455.full.pdf

      Gostar

      • Não entendi a relevância desse link, fala de retrovírus no geral, que é a família do HIV, mas do qual ele não é o único representante. Fala do seu papel na evolução, que já é bem conhecido, pelo menos para mim. Mas não fala especificamente no HIV nem na existência de uma transcriptase reversa humana que você diz existir;

        “Reverse transcription was first discovered as a key step in the replication of certain animal viruses now called retroviruses. ”

        Diz até que é um elemento essencial na replicação de certas viroses animais (que afetam animais) os retrovírus, que são vírus de RNA, coisa já bem sabida. No entanto não prova a não existência do HIV, nem refuta ele ser muito muito provável causador da SIDA. Só para por um ponto sabe sequer qual o papel da transcriptase reversa na biologia?

        Gostar

        • Eu não acredito! O Exmo. Sr. Dr. também anda por aqui a tentar subverter os que dizem as verdades inconvenientes? Que tristeza! Não tem mais nada para fazer? Afinal não é Médico e trabalhador?

          Gostar

          • Veio aprender como é um blog como deve ser onde se discute de forma seria e sem censuras? Vá lá para o seu canto se não tem nada acrescentar não venha fazer spam.

            Gostar

            • Olá H.

              Assim é que não!

              Se EU nunca mandei (nem mandarei) ninguém ir embora não aceito que alguém venha ao meu espaço virtual mandar outras pessoas embora…

              Este espaço é “Sem restrições!”

              Abr 😉

              Gostar

              • Sem restrições é um conceito que esse senhor não conhece… Não mandei ninguém embora apenas disse para não vir fazer SPAM com esse tipo de ataques pessoais sem acrescentar porra nenhuma ao que se está a discutir. Se discuto consigo é porque me parece, independentemente das suas posições, uma pessoa razoável e aberta a informação que não considerou. Se alguém entrar na conversa trazendo dados novos, não tenho problema nenhum mas isto é que não. Por menos restrições espero que no mínimo haja respeito. Sempre mantive uma posição de respeito para consigo, que espero continuar a manter, desde que continue a respeitar-me a mim.
                Quanto a esse senhor é mal formado e não admito que venha cá com este tipo de atitudes, insultos e insinuações sobre a minha vida pessoal, só porque deixei de comentar o espaço dele. Tem problemas graves que precisam de atenção, já o tentei ajudar, e sempre me arrependi, mas para mim chega. De qualquer forma não estou aqui para offtopics estou para discutir posições consigo e é nisso que me vou limitar a fazer, se quiser aturar gajos carentes ou meter-me em novelas vou para a TVI. Espero que tenha ficado esclarecido este não assunto…

                Gostar

                • H.

                  Vou citá-lo “Vá lá para o seu canto” isto é, para mim, e na minha língua, mandar embora!

                  Eu aqui aceito de tudo… Não me importo com insultos, nem com nada, até acho divertido!

                  Só tenho uma excepção (como toda a regra) que é quando alguém quer utilizar este espaço para insultar outrem que nem sequer comentou nada. Este é o único tipo de APAGÃO que executo!

                  De resto ” Sem restrições! ”

                  Abr 😎

                  Gostar

                  • “Vá lá para o seu canto SE NÃO TEM NADA A ACRESCENTAR, NÃO VENHA FAZER SPAM.” Fui muito claro no que disse, podes citar-me mas cita a frase toda. Também não me interessa se achas que o estou a mandar embora, a verdade é que já perdi a paciência para esse senhor. Se admites tudo até insultos, não vejo porque não posso mandar embora quem eu quiser, é um grande contrassenso da tua parte! Podemos parar agora com este não assunto?!

                    Gostar

                    • Só citei o início pois é o que importa, pois o Jacob acrescentou algo… Se não lhe agradou isso já é outra conversa!

                      Gostar

                    • Pois acrescentou, mas o teu sistema de comentários é estranho e como este apareceu primeiro escrevi o que escrevi antes de ler os outros comentários dele. Não é a questão de me agradar ou deixar de agradar, ninguém esta aqui para agradar ninguém mas para trocar ideias.

                      Acho sinceramente que se escreve muita coisa por falta de informação ou por interpretação excessiva de frações da informação. Também acho que é muito fácil falar de cor, se este fosse um problema que te afetasse diretamente ou de forma muito próxima aposto que rápido mudavas a tua posição. É muito fácil falar, revoltar e especular sobre assuntos que não passam de conceitos teóricos e estão lá longe de nós.

                      RESPOSTA: Tinha a ordenação de comentários com o mais recente no topo da página, mas já coloquei da forma a que o pessoal está habituado! 😉

                      Gostar

  4. Meu caro deixei de comentar o seu espaço por uma razão bem simples, você não sabe estar nem respeitar a liberdade dos outros. Ao contrario do seu espaço aqui é se livre de se falar e de se discordar, e eu vou utilizar a minha liberdade de o ignorar que a conversa não só não é consigo como você nem sequer percebeu o que se esta a discutir.

    Não sei por qual carreiro obscuro de raciocínio você chega a conclusão que os vírus são mais fáceis de erradicar porque não possuem as características que consideramos básicas num organismo vivo. Um ser vivo precisa de manter a homeoestase altera-se ou ataca-se essa homeoestase e ele é destruído. Os vírus não tê metabolismo a sua forma natural é um estado mínimo biológico, estão em latência, é muito difícil matar aquilo que não vive!
    O VIH é triplamente difícil de erradicar, além de ser um parasita intracelular obrigatório, o que o protege de uma defesa direta do sistema imunitário, tem preferência por um tipo de células especificas e muito importantes no combate a infeções inclusive infeções virais, as células T CD4+ helper. Por ultimo é um retrovírus, tem a capacidade de integrar o seu DNA no DNA humano das células infetadas e ficar a fazer parte do nosso próprio património genético. Se lhe parece que isto tudo é um problema fácil de resolver chegue-se a frente cure as pessoas que tão estupidamente teimam em se manter doentes e se sujeitam a terapias tão agressivas… canta-se um kumbaia de mãos dadas duas peças de fruta e resolve-se o problema…

    Gostar

    • Ainda bem que deixou de comentar no meu espaço! Era só asneiras e ofensas grauitas!!! Pode ser que por aqui tenha alguma sorte e o consigam aturar!

      “Os vírus não têm metabolismo a sua forma natural é um estado mínimo biológico, estão em latência, é muito difícil matar aquilo que não vive!”

      Pois é! Mas o que vocês fazem é matar aquilo que vive!!! O Sistema Imunitário, os Leucócitos, o Sistema Nervoso Central e o Cérebro Humano comprometendo assim toda a Homeostasis do Corpo-Humano! Tal como acabou de o admitir pelas suas próprias palavras: “Um ser vivo precisa de manter a homeoestase altera-se ou ataca-se essa homeoestase e ele é destruído.”

      Destruindo a Equilíbrio Dinâmico do Ser-Humano (Homeostasis), qualquer vírus infiltra-se nas Células e destrói o Corpo-Humano!

      O Sistema Imunitário, como bem sabe, é extremamente complexo e não é verdade o que escreveu, ao afirmar que o VIH está protegido por uma defesa directa do Sistema Imunitário! O VIH o que faz é precisamente a destruição do Sistema Imunitário, por isso se chama Vírus de Imunodeficiência Humana! O VIH está presente nas vacinas!!! Todo o tipo de xenobióticos e toxinas das vacinas, e em muitos medicamentos, alimentos e substâncias nocivas industriais servem precisamente para atacar o Sistema Imunitário, são por isso Vírus (Substâncias estranhas ao Corpo-Humano) que contribuem para a Imunideficiência Humana, o VIH!

      As propagandas em torno do VIH como sendo apenas transmitido pelo sexo, pela drogas, é tudo uma grande treta!!! Porque pretende ocultar o mais perigoso a que todos estão sujeitos diariamente pelo que consomem e não apenas nos alimentos, em TUDO! Pelos estímulos visuais, olfactivos, auditivos, pelo paladar, pelas ondas de forma com que a geometria é utilizada, tudo serve para atacar o Sistema Imunitário e o enfraquecer! Nesse sentido, todos são potenciadores do VIH mesmo sem relações sexuais ou transfusões de sangue! É uma falácia usada pela elite cabal em que usam 1 ou mais argumentos verdadeiros como sendo os únicos existentes, de forma a ocultar os restantes argumentos também válidos e causadores da doença! Tal como fazem com as drogas, com a propaganda em torno das drogas ilegais, como sendo as únicas perigosas de quem as pessoas se devem afastar, e dessa forma ocultam a verdadeira e mais perigosa droga que mais Humanos adoece e assassina todos os dias, o álcool e o tabaco!

      “O VIH é triplamente difícil de erradicar, além de ser um parasita intracelular obrigatório, o que o protege de uma defesa direta do sistema imunitário, tem preferência por um tipo de células especificas e muito importantes no combate a infeções inclusive infeções virais, as células T CD4+ helper. “

      Exactamente!!! Células auxiliares das T-Cells que são afectadas por vírus que são induzidos no Sistema Imunitário da Criança desde o seu nascimento!!! Caralho!!! Como é que vocês não percebem isto??? É assim tão difícil perceber que o problema está na carrada de toxinas e vírus que injectam no Sangue do Ser-Humano desde o momento que ele nasce? São logo 30 vacinas aos 18 meses recheadinhas de vírus e todo o tipo de xenobióticos para todos os gostos!!! FODA-SE!!! É ASSIM TÃO DIFÍCIL PERCEBER??? CAMBADA DE IGNORATNES E CRIMINOSOS!!! Isto é matéria suficiente para vos levar a todos ao Tribunal Europeu dos Direitos Humanos e processar-vos por Crimes e Genocídios contra a Humanidade!!! O que não faltam são artigos Científicos que provam perfeitamente tudo aquilo que tem sido exposto a público!

      Quais são os eventos que ocorrem antes do desenvolvimento do Sistema Imunitário? Eu respondo: V-A-C-I-N-A-S

      E agora, a parte mais interessante!!!

      “Viruses may induce islet autoimmunity by molecular mimicry between amino acid sequences of viral peptides and islet antigens that can activate autoreactive T-cells, by bystander activation and expansion of previously activated autoreactive T-cells at a local inflammatory site (including the spreading of T-cell responses to other epitopes on islet antigens), and by nonspecific activation of autoreactive T-cells through viral superantigens (53). In animal models, the administration of poly-IC (poly inosinic cytodylic acid), a mimic of viral double-stranded RNA, can trigger insulitis in normal nondiabetic strains (54). Therefore, it is possible that many common RNA viral infections may induce islet autoimmunity in genetically susceptible patients.”

      Ler o Estudo Científico completo aqui: http://diabetes.diabetesjournals.org/content/54/suppl_2/S25.full

      Mas pessoas como o Exmo. Sr. Dr. H. sabe perfeitamente tudo isto, só se faz despercebido e anda pelos Blogs dos CyberPunks Whistleblowers na sua demanda de Subversão! Opõe-se a tudo não porque não sabe e quer saber, mas unicamente porque lhe dá gozo, é como o diabo, o opositor de tudo e de todos!!!

      Gostar

      • Você é claramente desequilibrado, não tenho mais nada a falar consigo, vá-se tratar, pela sua saúde e para seu bem.

        Gostar

      • Olá Jacob the Pathfinder…

        Li os seus pensamentos e posso dizer que vão praticamente na mesma orientação que os meus! Apenas divergem num ponto, provavelmente o mais importante: Não existe, repito, não existe qualquer trabalho/estudo/pesquisa (pode dar-lhe a designação que quiser) onde esteja cientificamente demonstrada a existência do “VIH”… NADA!
        Por isso costumo sempre colocar aspas no “VIH” é uma hipótese de existência cientificamente não demonstrada/validada!
        Aliás ainda está disponível um prémio monetário para quem apresentar este trabalho de isolamento e identificação e BATATAS! Já tentaram reclamá-lo mas depois de analisados os critérios apresentados são justificadamente excluídos. Existe também outro prémio (penso que tb ainda activo) de montante superior para quem conseguir efectuar o trabalho de isolar o tal do “VIH”… E que continua por reclamar! O que é natural…
        Se quiseres podes dar uma olhada aqui para um breve resumo de como a fraude teve o início mediático! O mafioso/homicida Gallo é uma peça daquelas! A invenção “VIH” foi a bóia de salvação de uma carreira prestes a afundar!

        Entretanto hei-de continuar por aqui a escrever sobre esta bela forma de a Máfia do Complexo Mafioso Médico-Farmacêutico ganharem BILIÕES com a intoxicação grave e letal de milhões de animais humanos.

        Abr 😎

        Gostar

  5. Voltando ao que interessa, gostava que desenvolvesses essa tua teoria. Já percebi que não acreditas na existência do VIH, mesmo quando existe centenas de artigos com analises moleculares, fotografias de microscopia eletrónica e uma enorme variedade de métodos laboratoriais que envolvem este vírus. Também não vou ser eu que te vou maçar com esta informação, se não a aceitas.

    O que eu queria que considerasses e me explicasses, era se achas que é uma doença transmissível, ou se resulta apenas e exclusivamente da depressão do sistema imunitário? Se é transmissível qual o vector, o que se transmite? É um vírus, uma bactéria um fungo, algo esotérico? Se se deve apenas à depressão do sistema imunitário qual é a razão da correlação com o sexo anal, nas pessoas infectadas? Isto em relação à possível não existência do vírus ou à não relação do vírus com a doença.

    Em relação à “terapêutica” gostava também que me explicasses, sabendo que admites a doença mas não a causa, e sabendo que é uma doença de desenvolvimento rápido e letal em poucos anos. Qual a tua explicação para o facto de medicamentos que causam depressão do sistema imunitário, que tu dizes ser a causa essencial do aparecimento da doença, aumentarem em muitos anos a esperança de vida das pessoas infectadas? Não seria mais logico essas pessoas morrerem mais depressa com estes medicamentos e não o contrário?

    Gostar

    • “Não sei onde estou a fazer propaganda no que escrevi, quando lhe disse que essa medicação não só não cura como ainda ajuda a propagar mais a doença… Mas tudo bem entenda como quiser. Fosse verdade e me pagassem bem…”

      “ajuda a propagar mais a doença” eu não estou confuso! Se anda à procura de dinheiro aproveite o prémio que é oferecido a quem identificar o trabalho onde o “VIH” foi isolado…
      Mas já que falou em “…fotografias de microscopia eletrónica e uma enorme variedade de métodos laboratoriais que envolvem este vírus.” Não se acanhe e mande para cá! Especialmente as fotografias do sacaninha!

      Efectivamente a imunodeficiência é adquirida pelos abusos a que sujeitamos o nosso S.I. “países desenvolvidos: drogas, práticas homossexuais, stress oxidativo”; “países não desenvolvidos: má nutrição, água não potável e stress oxidativo”

      “Se se deve apenas à depressão do sistema imunitário qual é a razão da correlação com o sexo anal, nas pessoas infectadas?” O sexo anal praticado da forma que foi na época em que aparecem os primeiro casos de GRID eram tudo o que não se deve fazer!

      Desde fisting, ao uso de nitritos e drogas duras para amplificar a sensação de “prazer”, o uso de lubrificantes químicos e as dezenas de violações do ânus por semana/mês, seria era de admirar que não tivessem surgido as doenças que apareceram! O ânus não é um órgão sexual, mas pelos visto há quem pense que sim!

      Estas práticas provocam lesões ao nível do intestino que por sua vez levam a que a flora intestinal (e a sua bela composição) invada a corrente sanguínea com os resultados que tal invasão provoca! A própria utilização excessiva de lubrificantes destrói a flora intestinal que é uma parte importância do nosso sistema imunitário e dietético!

      “aumentarem em muitos anos a esperança de vida das pessoas infectadas” Completa falácia e mera propaganda da máfia que produz e executa os “testes” às próprias drogas!

      Se quiseres lê isto http://www.theperthgroup.com/MONOGRAPH/MTCTMay2005.pdf

      “doença de desenvolvimento rápido e letal em poucos anos” Onde foste buscar isto?

      “Não seria mais logico essas pessoas morrerem mais depressa com estes medicamentos”
      Isto foi precisamente o que aconteceu no início do homicídio colectivo. Deram doses tóxicas e letais de AZT aos homossexuais e os cromos começaram a cair que nem tordos!

      Hoje em dia a Máfia Médica-Farmacêutica abriu a pestana e a táctica é simples… INTOXICAÇÃO LENTA E PROGRESSIVA, por forma ao desenvolvimento e deterioração da saúde ser semelhantes à definição da SIDA (como lhes convém). Reduziram as doses, vão alternando entre drogas com as desculpas esfarrapadas das “mutações rápidas e constantes do VIH” e também para evitar a falência total do fígado/rins/medula e respectiva morte do intoxicado!

      Um BELO ESQUEMA QUE GERA BILIÕES! 😉

      Gostar

      • De que adianta estar a mandar-te links se vais apressar-te logo a dizer que são forjados? Faz uma pesquisa do tipo “hiv electron microscopy” e tira as tuas conclusões. Obviamente que fazer um estudo de forma a provar-te inegavelmente a existência do vírus e a relação com a doença exigia muito trabalho, muito tempo e paciência. E eu tenho muito da primeira e pouco das outras duas. No entanto a quantidade de informação, o conhecimento do ciclo celular, do modo de atuação de infeção e multiplicação é tão elevado que acho extremamente improvável ser tudo um grande embuste. Alem de que e apesar de ser verdade que os vírus são bastante difíceis de trabalhar, especialmente os retrovírus que que têm grande períodos de latência, e incorporam o seu DNA no nosso, com os mesmos argumentos que tens apresentado para refutar a sua existência podias refutar basicamente todos os outros vírus, ou pelo menos os retro vírus…

        Concordo contigo que é uma doença que gera milhões e que é explorada para isso. Mas a mim mete-me mais confusão não haverem vacinas cá fora, por mais limitadas que fosse a sua eficácia do que negar a relação toda só por si. Um vírus que se enfia no nosso DNA não é curável, tem de se prevenir, e ou não se entra em contacto com ele ou se cria anticorpos à partida.

        Quanto aquilo que dizes sobre ser a causa da morte com SIDA, tens de te lembrar que o sistema fica deprimido e só depois aparecem as infeções, não há provas que as infeções deprimam o sistema apenas de infeções que suplantam o sistema. E na SIDA o sistema é deprimido! Alguma coisa está acontecer para que isso aconteça. Um sistema saudável por mais portas de entrada que tivesse o colon e os pulmões iria sempre responder, aumentar a produção de leucócitos e reagir, e isso simplesmente não acontece, o sistema fica bloqueado de todo! Portanto continua a faltar o elemento exato que está a deprimir o sistema!

        Gostar

        • Antes que digas que são os estilos de vida e mais não sei o que, o sistema é deprimido por não conseguir manter uma resposta inflamatória integrada mesmo com valores de leucócitos normais e não por haver menos leucócitos que é o tipo de depressão que faz os estilos de vida prejudiciais.

          Gostar

        • “Portanto continua a faltar o elemento exato que está a deprimir o sistema!”

          Outra vez? Se começas a andar às voltas ainda ficas com tonturas!

          De resto já estou a gostar das tuas desculpas para não dares ligações para os trabalhos que provam a existência do “VIH” e onde estão as imagens “IME”, já estás a começar a soar a um verdadeiro dogmático!

          Eu é que vou apressar-me “logo a dizer que são forjados”… Gostei 😆

          Se não te faz falta o dinheiro, ao menos manda-me as ligações que eu candidato-me ao prémio.

          O que deprime o sistema imunitário está mais que estudado! E já te referi mas parece que fazes leitura selectiva e só lês o que encaixa no teu dogma… Aí vai outra vez, desta vez não feches os olhos 😉

          “países desenvolvidos: drogas, práticas homossexuais, stress oxidativo”; “países não desenvolvidos: má nutrição, água não potável e stress oxidativo”

          De resto qualquer estudo continua a afirmar que estes foram/são e serão os indivíduos em risco de desenvolver SIDA!

          Se retirarmos a etiqueta “VIH/SIDA” a estes indivíduos ficamos com o que já tínhamos: pessoas com sistemas imunitários deprimidos devidos a estilos de vida deteriorantes do S.I., ou então com falta de acesso a nutrição em qualidade e quantidade e a água potável, e que em consequência desenvolvem todas as doenças que já existiam antes de inventarem a etiqueta “VIH/SIDA”…

          Para terminar, é perfeitamente normal que nós nunca queremos admitir que é o nosso comportamento que provoca a nossa própria destruição. E foi graças a esta postura que os gays americanos tiveram como prenda a MORTE por AZT! Queriam uma droga… Tiveram-na! E resultou… O problema de todos os estúpidos que a tomaram desapareceu num instante, infelizmente eles também desapareceram…

          Gostar

        • Se me dão licença, vou-me intrometer na discussão.

          “E na SIDA o sistema é deprimido! Alguma coisa está acontecer para que isso aconteça. “

          O Autor já lhe respondeu! “Estas práticas provocam lesões ao nível do intestino que por sua vez levam a que a flora intestinal (e a sua bela composição) invada a corrente sanguínea com os resultados que tal invasão provoca! A própria utilização excessiva de lubrificantes destrói a flora intestinal que é uma parte importância do nosso sistema imunitário e dietético!”

          E eu acrescento o seginte: Álcool, má nutrição, falta de higiene e isto que ainda ninguém falou: O Intestino está directamente relacionado com o Sistema Nervoso Central!

          A microbiota intestinal está relacionada a alterações do Sistema Nervoso Central – See more at: http://congressesupdate.com.br/ddw2013/a-microbiota-intestinal-esta-relacionada-a-alteracoes-do-sistema-nervoso-central/#sthash.WtlItfAd.dpuf

          “Em sessão apresentada no AGA translational Symposium dia 18 de maio, tendo como moderadores Eanonn M Quigley e Purna C. Kashyap, foram mostradas evidências importantes da participação da microflora intestinal em diversas patologias envolvendo o cérebro e o intestino. – See more at: http://congressesupdate.com.br/ddw2013/a-microbiota-intestinal-esta-relacionada-a-alteracoes-do-sistema-nervoso-central/#sthash.WtlItfAd.dpuf

          “O professor Premsyl Bercik (Mc MAster University – Canada) apresentou dados interessantes que envolvem a microbiota intestinal com diversas doenças do sistema nervoso central (SNC). Comentou os trabalhos sobre alteração da fermentação intestinal em pacientes com depressão – See more at: http://congressesupdate.com.br/ddw2013/a-microbiota-intestinal-esta-relacionada-a-alteracoes-do-sistema-nervoso-central/#sthash.WtlItfAd.dpuf

          A microbiota intestinal está sendo cada vez mais estudada mostrando evidências de participação em diversas condições patológicas do organismo. A cada dia fica também mais verdadeiro um dos aforismas de Hipócrates que diz : ”o intestino é a porta de entrada para maioria das doenças”. – See more at: http://congressesupdate.com.br/ddw2013/a-microbiota-intestinal-esta-relacionada-a-alteracoes-do-sistema-nervoso-central/#sthash.WtlItfAd.dpuf

          Tão forte é a influência do intestino sobre o nosso organismo que esse órgão é tido nos meios científicos como o “segundo cérebro”. A expressão foi cunhada pelo médico americano Michael D. Gershon, do Departamento de Anatomia e Biologia Celular da Columbia Univesity Medical Center, em Nova York. Depois de 30 anos de pesquisas, Gershon conseguiu identificar a interatividade entre os neurotransmissores produzidos no intestino, chamado por ele de órgão inteligente, e as nossas emoções, cuja sede é o sistema límbico, localizado no cérebro. Portanto, atribuir a prisão de ventre apenas ao tipo de alimentação é um erro.

          Embora sejam independentes, os sistemas nervoso central (localizado no cérebro e na medula espinhal) e o entérico (intestinal) “conversam” entre si. – – See more at: http://revistapilates.com.br/tag/sistema-nervoso-central

          Ver este importante vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=0oTEYahxtxg

          Artigo importante sobre este assunto: http://www.difusaoautoecologia.com/auto_ecologia/cerebro_e_intestinos.htm

          E para terminar:

          O termo “Psiconeuroimunologia” foi introduzido por Robert Ader, em 1981, para definir o campo da ciência que estuda a interação entre o sistema nervoso central (SNC) e o sistema imunológico.

          Atualmente, um grande corpo de estudos tem fornecido muitas evidências que revelam as comunicações bidirecionais entre os sistemas neuroendócrino, neurológico e o sistema imunológico. Muitos estudos também têm demonstrado que uma variedade de estressores físicos e psicossociais podem alterar a resposta imune através dessas conexões.

          O eixo hipotálamo-pituitária-adrenal (HPA) e o sistema simpático adrenomedular são os componentes neuroendócrinos e neuronais primários da resposta ao estresse. A liberação do cortisol a partir do córtex adrenal, das catecolaminas a partir da medula adrenal e da norepinefrina a partir dos terminais nervosos prepara o indivíduo para lidar com as demandas dos estressores metabólicos, físicos e/ou psicológicos e servem como mensageiros cerebrais para a regulação do sistema imunológico. Por outro lado, o sistema imunológico produz mensageiros químicos (citocinas) que desempenham um papel crucial em mediar as respostas inflamatórias e imunes e também servem como mediadores entre os sistemas imunológico e neuroendócrino. – Retirado de: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-44462004000300002

          Gostar

          • Olá Jacob… Isso das “licenças” é só quando estamos a lidar com a Máfia Estatal! Aqui neste espaço as trocas são livres e espontâneas…

            “E eu acrescento o seginte: Álcool, má nutrição, falta de higiene”… Sem dúvida! Não mencionei por mera poupança de tempo! Mas o tóxico álcool produz desgraças no nosso organismo! Apenas é deliberadamente incentivado o uso porque dá dinheiro! Quase que faz lembrar o tempo em que os Máfias dos Médicos faziam anúncios publicitários a INCENTIVAR O CONSUMO DO TABACO INDUSTRIAL! É a mesma coisa, a droga agora é outra!

            Quanto ao resto, e especificamente ao cortisol, basta observar o resultado do stress que o treino desportivo provoca a nível de doenças e lesões devido a aos níveis de treino e há alimentação, agora imagine-se o stress diário em que os escravos andam, a intoxicação diária a que sujeitam o organismo, o ar tóxico e cancerígeno que se respira nas cidades (graças a emissões de gases diesel e outros) e depois a culpa é de quem? De um hipotético e miserável retrovírus (nem vírus é!)

            Enfim… Admiro a crença deste pessoal!

            Gostar

  6. Olá Voz, querido,

    Conversa acalorada, hein? mas foi bom… deu para muitos esclarecimentos. 😉

    Um beijinho

    Gostar

  7. http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0966842X13001133

    vir.sgmjournals.org/content/68/3/919.full.pdf

    http://www.azonano.com/news.aspx?NewsID=12197

    http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/1879729

    Prova que estava enganado e não corras a refutar estes artigos!
    Fiz só uma pesquisa de 10 minutos, e isto é só os que são de microscopia eletrónica. Há muitas mais técnicas moleculares de deteção. Tenta lá não ser tendencioso e não defender o teu dogma. Espero que tenhas noção que os teus argumentos dão para os dois lados.

    Não estou a escolher ignorar nada, simplesmente não concordo contigo quanto a etiologia da doença. Uma pessoa chega ao consultório num estado de saúde geral péssimo com o sistema imunitário destruído, é-lhe diagnosticado HIV/SIDA, é medicada. A sua capacidade de combater infeções oportunistas melhora a olhos vistos (paradoxo dos paradoxos quando o sistema imune é destruído com elas) o seu estado de saúde melhora, há aumento ponderal. Deixa de tomar a medicação recai outra vez. Isto é o que acontece na realidade. É curada?! Não! está-se a contribuir para erradicar a doença?! Não! A pessoa ganha anos de vida?! Um redondo SIM.

    Se o que dizes é verdade isto não era uma doença cronica e incurável bastava mudar os estilos de vida e estava tudo bem, mas na realidade um infetado com bons estilos de vida continua infetado. Se não acreditas no HIV é contigo, mas desafio-te a apresentar-me um caso de cura de SIDA, cura total sem reaparecimento de sintomas! Ou então faz um salto de fé procura um “seropositivo” desses que dizes que não existem e injeta-te com um pedaço do seu sangue dele directo para a tua veia. Vais ver que não te acontece nada porque és um gajo saudável. Claro que me vais dizer que fazer isso era estupido e que não precisas provar nada a ninguém! Mas no fundo sabes bem que nunca na vida te ias expor a esse risco porque no fundo sabes que as coisas não iam correr nada bem! Não andaste a levar no rabo, não andaste a consumir alcool e drogas, não andaste a fumar, fizeste só uma pica bem pequena no braço e no fim ficas doente. Pensa nisso…

    Gostar

    • “Se o que dizes é verdade isto não era uma doença cronica e incurável bastava mudar os estilos de vida e estava tudo bem, mas na realidade um infetado com bons estilos de vida continua infetado.

      Prova o que acabaste de afirmar seu mentiroso!!! Como é que podes afirmar isso com toda a certeza? Se afirmas que um infectado com bons estilos de vida contínua infectado, então prova isso!!! Não mandes postas de pescada na escrita de forma subtil e subversiva para continuares a tentar cegar os olhos de quem te lê!

      Uma doença quando aparece é para que o Humano altere os seus hábitos de vida! A doença é por isso extremamente importante! É uma manifestação entre o Sistema NeuroEndócrino, Neurológico e o Sistema Imunológico. Serve como um Alerta para que o Humano repense os seus modos de vida e altere-os!!! O Problema principal está no desconhecimento do porquê da doença! E as pessoas em vez de alterarem os seus modos de vida, querem continuar com eles, e depois adoecem e não sabem porquê e culpam tudo e todos menos eles próprios que não souberam escutar o que a doença lhe estava a tentar transmitir!!!

      A doença é um prcesso de limpeza que obriga a pessoa a repensar, a reflectir, a meditar e alterar a sua Vida para melhor! Mas em vez disso o que é que os médicos e os doentes fazem? Ah e tal, eu quero continuar a comer merda, quero continuar com níveis de stress altos, quero continuar a levar no cú, quero continuar a enfrascar-me com álcool, quero continuar a trabalhar que nem um escravo, quero continuar na mesma, por isso Exmo. Sr. Dr., diga-me que medicamentos eu tenho que tomar! E pronto, assim se engana um doente que sai de um consultorio sorridente com uma mentira, “engana-me com a mentira que eu gosto!

      O doente em vez de ouvir a verde, dura, mas verdadeira, não, prefere a mentira do médico e as drogas para se manter doente, cura-se temporariamente mas logo irá ficar novamente doente porque não ouviu a doença, não alterou os seus hábitos! A pescadinha de rabo na boca também conhecida por ouroboros, a serpente que come a sua própria cauda e assim se aprisiona até morrer!

      A Natureza é perfeita! Equilibra-se a si própria, limpa-se a si própria, auto-regula-se com vírus e bactérias que em muitos casos servem mesmo para aletar a Humanidade que algo está muito mal, há que mudar! Mas não, o que é que a elite caba faz? Tenta controlar! Tenta manter tudo como está e usar a tecnologia e as drogas para controlar os mecanismos de auto-regulação e o equilíbrio dinâmico da Natureza que como todos sabemos, ou devíamos saber, prevalecerá SEMPRE!

      Se calhar o que Hitler andava a fazer ao estudar os Cérebros dos Homossexuais até tinha algum sentido, porque normal não é! E não me venham com tretas, não defendo o nazismo, nem de longe, mas há coisas muito mal explicadas no nazismo assim como há coisas muito mal explicadas na medicina, e eu gostava que me apresentasse um estudo onde se confirma que so homossexuais com SIDA têm hábitos de vida e higiénicos exemplares e que não é por isso que têm um Sistema Imunitário fraco!

      Gostar

      • Vai chamar mentiroso ao caralho que te foda! E isto é só para ti, não aprendeste como se tem uma discussão acesa mas sem insultar?! Sabes a diferença entre mentir e defender posições diferentes?! aprenda alguma coisa com o dono deste blog sua besta!
        Sai da merda da tua bolha social! Achas mesmo que foste tu que te lembraste de aconselhar melhorias nos estilos de vida aos infetados?! Achas mesmo que é uma coisa nova?! Esse tipo de aconselhamento é tão velho como a própria doença!

        De quantos casos ouviste falar de cura?! Achas mesmo que todos os infetados do mundo são uma cambada de anormais que só querem má vida e não há um que seja que tente realmente ser o mais saudável possível?! Veja o Dallas Club, baseado em uma historia verídica, repare lá qual foi a primeira atitude dele quando tomou as rédeas do próprio tratamento estamos a falar de há 30 anos atras!

        Peço desculpa a quem tiver a ler mas este anormal tira-me do sério!

        Gostar

        • É láaaaaaaaaaaaa!!! 🙂 Por respeito ao Autor deste Espaço não vou publicar aqui as centenas de ofensas, repito, centenas de ofensas que o Exmo. Sr. Dr. me proferiu no meu próprio Blog! Tal como afirmou, o seu interesse é meramente antropológico e gosta de abrir cérebros para os estudar! Então, tem feito um grande estudo? Ou o Exmo. Sr. Dr. é que está a ser estudado? O Exmo. Sr. Dr. não aprende nunca! Recusa-se a abrir a pestana, a abrir a mente, e assim continua ceguinho cheio de intelectualismo e pré-conceitos formatados recusando-se a ponderar as coisas mais simples e que estão mesmo aí à sua frente, publicadas não por Zé-Ninguéns como nós, mas em Estudos e Trabalhos Científicos por Comunidades Científicas Internacionais que o Exmo. Sr. Dr. se recusa a aceitar, ou então aceita apenas o que lhe convém mas não cosegue largar esse seu vírus mental que tem comprometido esse seu Sistema Operativo e o limita imensamente!

          Essa do aprenda alguma coisa com o dono deste blog é uma velha tática de tentar criar discórdia entre as pessoas que se têm mostrado contra si, é uma forma de criar guerra no lado do inimigo e assim ganhar a batalha sem mexer uma palha! Chama-se propaganda e subversão! O nazismo usava muito isso! Os americanos usam muito isso quando querem subverter e destruir os Países que querem invadir!

          Eu sei que está frustrado por lhe ter censurado um comentário recheado de asneiras e ofensas gratuitas, e um segundo comentário seu está na lista pendente e só o irei aprovar e responder-lhe-ei quando me apetecer! Há coisas muito mais importantes a tratar e a cuidar que não passa por andar a responder a agentes de subversão amadores como o Exmo. Sr. Dr. se tem comportado!

          Eu não vou descer ao seu nível para lhe responder, não preciso mas já vi que o irritei com o que acabei de publicar, informação credível, cientificamente comprovada e irrefutável que comprova tudo aquilo que o Autor deste Artigo neste Blog escreveu e tem escrito! 🙂 Isso irrita-o profundamente, já reparei… 🙂 Ah! Ah! Ah! A Verdade é assim! ApoKalypse, to reveal, to disclose! 😉

          Não se preocupe, tenha calma, respire fundo e leia mais uns artigos científicos como deve ser! Esses que acima partilhei são profundamente importantes e que vão de encontro a tudo que tem sido escrito por aqui, mas desta forma, explicados À Luz da Ciência que tanto gosta mas nega continuamente! 🙂

          “Achas mesmo que foste tu que te lembraste de aconselhar melhorias nos estilos de vida aos infetados?! Achas mesmo que é uma coisa nova?! Esse tipo de aconselhamento é tão velho como a própria doença!”

          Pois é antigo é! Mas o mais engraçado é que as pessoas NÃO O FAZEM!!! As pessoas não mudam os estilos de vida, a sua alimentação, as pessos comem mal e porcamente e acham isso normal! As pessoas comportam-se de forma doentia e acham isso normal! As pessoas cosomem um leque diversificado e bastante alargado de Xenobióticos aos quais dão o nome de “compras lá para casa” e acham isso normal! As pessoas não querem saber dos rótulos dos produtos para nada e até se criou a moda de rotular as pessoas que se preocupam com os rótulos de paranóicos quando a única paranóia que existe é de quem quer continuar com tudo tal e qual como está, intoxicado, uma sociedade podre e venenosa que vai matando lentamente ou rapidamente tudo que seja Vida!!!

          As pessoas enfrascam-se com álcool e acham isso normal e divertido!!! As pessoas drogam-se de todas as formas e feitios e acham isso normal, exemplar e divertido!!! E o Exmo. Sr. Dr. é um cúmplice disto tudo porque também acha isto tudo normal e vem para os Blogs tentar persuadir os Autores a desistirem de escrever, de expôr e nunciar A PODRES E VENENOSA SOCIEDADE que Exmos. Srs. Drs. Maçons tanto gostam de defender e manter porque lucram com a desgraça alheia e a ignorância dos outros perante vários assuntos e principalmente perante o seu próprio Ser que desconhecem completamente sendo por isso facilmente manipuláveis!!!

          “De quantos casos ouviste falar de cura?!”

          De quantos casos ouviu falar de pessoas que alteraram os seus hábitos e modos de vida? Porventura os Homossexuais deixaram de levar no cú à força toda? Ou em vez disso, continuam a levar no cú à força toda mas usam preservativos a pensar que assim já não danificam a flora intestinal, quando os danos são os mesmos ou até piores devido aos químicos presentes nos preservativos que são inseridos no intestino!!! Já para não falar no sexo oral e a famosa língua para estimular o ânus! Sãos Dux Veterânus do sexo anal! 🙂 O que ingerimos vai parar à corrente sanguínea, se uma língua anda a lambar o ânus de forma constante e periódica, o que é que acontece à pessoa que lambe? Se um homossexual não partilha o seu corpo apenas com uma única pessoa, o que é que acontece? E mesmo que um homossexual partilhe o seu corpo apenas com uma única pessoa, será que essa pessoa também partilha dessa fidelidade?

          Além disso, como o Autor já lhe disse, o ânus não é um instrumento sexual! É um instrumento que tem como função precisamente o contrário de Sexo (Synergistic Energy Exchange = SEX). O Sexo é uma troca sinergética/sinérgica de Energia, o ânus serve precisamente para libertar do corpo aquilo que não pode ser transformado em Energia! Funciona como o fio terra do Corpo-Humano para as descargas para a terra da energia estática, energia a mais ou imprópria, as fezes! Os tais xenobióticos como bem sabe!

          Quando alguém penetra o ânus de uma pessoa, ele está a carregar energeticamente essa pessoa por um órgão que não tem como função a troca de energia sinérgica (Sex) mas sim a descarga de energia a mais ou imprópria para o Corpo, e não por intermédio do sexo mas sim pelo defecar!

          Claramente que isto vai causar uma série de distúrbios no funcionamento do Corpo-Humano que afecta todos os principais Sistemas!

          O Sexo é uma Experiência Espiritual e tem como função a procriação, a Criação de uma Nova Fonte de Energia, um Novo Ser, pela comunhão entre o Masculino (Fase) e o Feminino (Neutro) que produz Luz! Dar à Luz! A Concepção de Um Novo Ser!

          De cada vez que alguém vai ao cú a outro, está a empurrar lá para dentro do Corpo as tais Cargas em excesso ou impróprias das quais o Corpo se quer libertar, as fezes, e está também a subverter, atrofiar, o Sistema de Corrente Eléctrica entre 2 Corpos do mesmo sexo, ou seja, com o mesmo potencial eléctrico (masculino-masculino, ou feminino-feminino), ou têm todos cargas positivas (masculino-masculino) ou cargas negativas, electrões (feminino-feminino), o potencial eléctrico é sempre o mesmo, diferente de zero, por exemplo ou -80 ou +80, inexistência do neutro de potencial zero, nunca alcançando o equilíbrio dinâmico (homeostasis) que caracteriza o Sexo, a corrente contínua e a corrente alternada SÃO INEXISTENTES! Ou seja, não há Luz!!! Para que a Luz exista é necessário um Sistema Dinâmico em equilíbrio de polaridades, ou de Corrente Contínua em que um é sempre positivo e o outro é sempre negativo, em que a corrente eléctrica se dá num só sentido, e neste caso estamos perante a fornicação e não o Sexo, não há troca alternada de corrente, não há sexo (troca sinérgica de energia) em que um é positivo num instante, e logo a seguir é negativo, mantendo o potencial zero, o neutro existente, neste caso de fornicação isso não acontece, existe o domínio de um sobre o outro com polaridades, positivo e negativo e com o neutro inexistente!

          Uma relação Sexual Natural, com o Pénis (Fase) na Vagina (Neutro) é um Perfeito exemplo de um Circuito Eléctrico de Corrente Alternada, descoberto por Nikola Tesla e que deu origem à famosa “Guerra das Correntes Eléctricas) entre o illuminati Thomas Edison e o iluminado Nikola Tesla. Num Circuito Eléctrico de Corrente Alternada existe troca de potencial eléctrico que anula as polaridades, a Fase ora é positivo ora é negativo e o sexo Feminino é o Neutro, ligado à Terra, por isso se diz que a Mulher está relacionada com Gaia, com a Mãe Terra, Madre, Alma Mater, Matter, Matéria! Portanto, a corrente ora se dá num sentido, ora se dá noutro (vai e vem, sexo), e por causa disso não existe diferenciação entre dois fios que conduzem corrente alternada, justamente por não haver polaridades definidas. (O Homem e a Mulher tornam-se num só quando estão em comunhão sexual, a Sagrada União! SEXO!). Conhecido no gnosticismo como Twin Flame:

          Durante séculos a Mulher tem sido vista como o aspecto negativo da Natureza quando não é, é o Neutro, tanto pode ser positivo como negativo, e este falso ensinamento em que associam a Mulher ao negativo, tem servido de palco para várias atrocidades ao longo da história e para que o Patriarcado continue a destruir toda a Sociedade com guerras inúteis e extremismos criados pelo próprio patriarcado como o feminismo e o machismo, faces diferentes da mesma moeda, moeda essa cunhada pelos mesmos de sempre, o patriarcado com o objectivo de separar o Homem e a Mulher e afastá-los da sua Sagrada União Sexual e consequentemente Espiritual, por isso se vê cada vez a propaganda homossexual e LGBT!

          “O neutro e o fase funcionam assim: No poste de transmissão de energia elétrica, por exemplo, um dos condutores de corrente alternada é ligado à terra (chamado de neutro) e o outro (fase do sistema monofásico no caso) é mantido isolado da terra. “

          “Dizer que um ramo da instalação é neutro significa dizer que NÃO há diferença de potencial elétrico entre ele e a terra e NÃO significa dizer que é isento de corrente. Adicionalmente, como o potencial elétrico do fase é alternado (senoidal), o neutro às vezes está em um potencial inferior ao do fase e outras vezes superior. Portanto o neutro, em relação ao fase, é, durante parte do ciclo de tensão “negativo” e durante outra parte “positivo” em relação ao fase. “

          Numa relação homossexual entre homem-homem a Terra fica de fora, o condutor Neutro (Mulher) é inexistente! Ou seja, ambos estão isolados da Terra! Isto cria disfunções na forma de transmissão de Energia entre os 2 corpos! Porque a Terra e o condutor Neutro que servem como reguladores/transmissores dinâmicos de Energia está fora da equação, não supre a demanda dos electrões continuamente! As consequências disto é um execesso de electricidade estática nos Corpos, por isso é que os bissexuais sentem-se melhor no fim de uma relação sexual com uma pessoa de sexo oposto do que com uma pessoa do mesmo sexo! Por causa da forma de transmissão de energia durante a relação!

          Eu não quero com isto dizer que sou contra a homossexualidade, só a quero perceber! E além disso, existem vários factores na Homossexualidade que são colocados fora da investigação científica e que por isso se despreza tanto a homossexualidade e se generaliza tudo não a querendo estudar como deve ser e compreendê-la da melhor forma possível, porque existe a Homossexualidade em que uma Alma Feminina encarna num Corpo Masculino e uma Alma Masculino encarna num Corpo Feminino, e isso não é uma Homossexualidade adquirida ao longo da Vida, como muitas são! Este tipo de Homossexualidade pode-se considerar genético e é natural, natural porque existe antes do Corpo se formar, antes da Personalidade se desenvolver, logo é tão natural como a síndrome de Down, a pessoa com síndrome de Down já nasceu assim, não adquiriu essa particularidade ao longo do desenvolvimento da sua personalidade!

          O problema da Homossexualidade é a promoção que lhe fazem como sendo natural, exemplar e um exemplo e modelo a seguir na sociedade passando cá para fora uma imagem falsa da homossexualidade, confundindo paradas gays com homossexualidade e querendo generalizar tudo para dividir ainda mais as pessoas e criar uma guerra civil em torno destes assuntos para que as pessoas não se dediquem aos assuntos verdadeiramente importantes na Sociedade! Enquanto o Povo é alimentado e entretido com este tipo de tópicos, a elite cabal vai seguindo rumo à destruição da Sociedade!

          As paradas gays são um exemplo daquilo que não é a Homossexualidade e têm como objectivo unicamente subverter por completo os modelos da Heterossexualidade representada pela Sagrada Família, ou seja, um dos objectivos dos illuminatis, acabar com o conceito de Família! Conceito esse, o da Família, que os próprios Homossexuais não querem que acabe, porque segundo eles, eles também têm direito à Família e querem ter filhos! Mas como? Ou pela adopção, ou pela reprodução medicamente assistida! Binbo! É precisamente isso que o complexo mafioso médico-farmacêutico quer instituir nas Sociedades! Sociedades essas que se recusam a aceitar isso, e bem! É mais um esquema criminoso da enorme fraude que é o complexo mafioso médico-farmacêutico!

          Eles criam o problema (paradas gays, propagada gay), para despoletarem uma reacção popular (os homossexuais também têm direito a ter filhos e família), e logo a seguir apresentam a solução (reprodução medicamente assistida), que é um dos braços armados da Eugenia Nazi!!!

          Gostar

          • Você não apresentou coisa nenhuma, e sim irrita-me porque você é um anormal e não lhe admito que me chame mentiroso! Porque nunca na vida escrevi uma coisa que não pudesse comprovar com referencias. Eu não invento teorias e chamo-lhe a “minha realidade” tal como você alucinado de uma figa.

            Esta apreciar bastante a nossa troca de ideia voz, mas com este alucinado, preconceituoso fascista e homofóbico a vir fazer SPAM não vale a pena. Continuação de boas pesquisas para si.

            Muita saudinha para si meu caro pathfinder, no dia que ela faltar é que vai ser uma quantidade enorme de palha pelo ralo.

            Gostar

            • Essa sua exposição, Jacob Pathfinder, obriga-me a agradecer-lhe. Muito grata.

              Gostar

              • Não compreendo. Agradecer de quê? Os Homossexuais é que podem não gostar lá muito de ler essa exposição. Mas eu não sou contra homossexuais, como esse Exmo. Sr. Dr. me rotula de homofóbico! Eu respeito-os e dou-me bem com alguns que conheço! Eu só quis compreender se a prática sexual anal está ou não relacionada com a síndrome de imunodeficiência adquirida, e se é adquirida por essas práticas, e não por um vírus inexistente ou mesma que exista, o problema não está no vírus, está no sistema imunitário que é constantemente violentado pela fornicação, má nutrição, drogas, falta de cuidados de higiene e falta de alimento espiritual que ainda ninguém falou aqui e é extremamente importante para o fortalecimento do sistema imunitário também!!!

                Gostar

            • Olá Fadinha!

              Está bem bom! Óptima troca de pensamentos…

              Bem nem quero imaginar o que será com as próximas! Mas se for como tem sido até agora… “O templo do dogma VIH/SIDA está cheio de crentes”!

              Bjhs

              Gostar

        • Dallas Club? 😯 Eu estou mesmo a discutir com um Médico? Oh My God, Goddess!

          Gostar

          • Enfim, nem sei porque perco tempo a discutir consigo, tem a maturidade de um miúdo da primaria e os seus argumentos adequam-se à sua maturidade. Não tenho necessidade nem paciência de aturar as suas novelas! Faça-se homem primeiro antes de falar comigo, depois conversamos.

            Gostar

        • “De quantos casos ouviste falar de cura?!” O que entende por cura? Andam por aí uns portugueses que levaram com a etiqueta de “VIH+” mas que nunca tomaram drogas e estão de perfeita saúde! Há muitos e muitos anos… Portanto definição do que é para si “cura” e de quê é importante…

          Sinceramente H… Filmes de hollywood! Já bem me basta o dogmatismo “VIH”! Vir com filmes de cinema é tudo o que eu posso apelidar de “propaganda dogmática”…

          Já agora! Com aquelas ligação não ganho dinheiro nenhum, Sou mas é gozado 😦

          Gostar

  8. Atenção que não estou a dizer que aquilo que disseste não possa contribuir para a infeção, nem que a nutrição não seja importante. Aquilo que estou a dizer é que as coisas acontecem por uma razão e grande parte das doenças e sintomas delas ou é o corpo a tentar livrar-se de algo que não reconhece como dele ou é algo que está a perturbar o balanço dos diversos sistemas, e acredita que o corpo humano é extremamente complexo. ´

    Uma condição que te faz baixar especificamente um tipo particular de leucócitos precisa de ser um elemento direcionado, nunca pode ser só por razões físicas ou químicas que tem um efeito sistémicos como aquelas que apontaste. Porque por mais que digas que a medição do numero de CD4+ não é um método especifico e que pode ter variações ao longo do dia, é um estado baixo deste tipo especifico de células que provoca a doença SIDA! Que diminui a resistência a outras infecções e diminui a capacidade de integrar os vários tipos de respostas imunitárias e deixa os infetados expostos.
    Volto a dizer mesmo que isto não fosse/seja provocado por um vírus tinha de ser por algo muito bem direcionado, esses comportamentos de risco só por si nunca poderiam ter um efeito tão especifico no nosso organismo.

    Gostar

    • O Intestino está directamente relacionado com o Sistema Nervoso Central!

      A microbiota intestinal está relacionada a alterações do Sistema Nervoso Central – See more at: http://congressesupdate.com.br/ddw2013/a-microbiota-intestinal-esta-relacionada-a-alteracoes-do-sistema-nervoso-central/#sthash.WtlItfAd.dpuf

      “Em sessão apresentada no AGA translational Symposium dia 18 de maio, tendo como moderadores Eanonn M Quigley e Purna C. Kashyap, foram mostradas evidências importantes da participação da microflora intestinal em diversas patologias envolvendo o cérebro e o intestino. – See more at: http://congressesupdate.com.br/ddw2013/a-microbiota-intestinal-esta-relacionada-a-alteracoes-do-sistema-nervoso-central/#sthash.WtlItfAd.dpuf”

      “O professor Premsyl Bercik (Mc MAster University – Canada) apresentou dados interessantes que envolvem a microbiota intestinal com diversas doenças do sistema nervoso central (SNC). Comentou os trabalhos sobre alteração da fermentação intestinal em pacientes com depressão – See more at: http://congressesupdate.com.br/ddw2013/a-microbiota-intestinal-esta-relacionada-a-alteracoes-do-sistema-nervoso-central/#sthash.WtlItfAd.dpuf

      A microbiota intestinal está sendo cada vez mais estudada mostrando evidências de participação em diversas condições patológicas do organismo. A cada dia fica também mais verdadeiro um dos aforismas de Hipócrates que diz : ”o intestino é a porta de entrada para maioria das doenças”. – See more at: http://congressesupdate.com.br/ddw2013/a-microbiota-intestinal-esta-relacionada-a-alteracoes-do-sistema-nervoso-central/#sthash.WtlItfAd.dpuf

      Tão forte é a influência do intestino sobre o nosso organismo que esse órgão é tido nos meios científicos como o “segundo cérebro”. A expressão foi cunhada pelo médico americano Michael D. Gershon, do Departamento de Anatomia e Biologia Celular da Columbia Univesity Medical Center, em Nova York. Depois de 30 anos de pesquisas, Gershon conseguiu identificar a interatividade entre os neurotransmissores produzidos no intestino, chamado por ele de órgão inteligente, e as nossas emoções, cuja sede é o sistema límbico, localizado no cérebro. Portanto, atribuir a prisão de ventre apenas ao tipo de alimentação é um erro.

      Embora sejam independentes, os sistemas nervoso central (localizado no cérebro e na medula espinhal) e o entérico (intestinal) “conversam” entre si. – – See more at: http://revistapilates.com.br/tag/sistema-nervoso-central

      Ver este importante vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=0oTEYahxtxg

      Artigo importante sobre este assunto: http://www.difusaoautoecologia.com/auto_ecologia/cerebro_e_intestinos.htm

      E para terminar:

      O termo “Psiconeuroimunologia” foi introduzido por Robert Ader, em 1981, para definir o campo da ciência que estuda a interação entre o sistema nervoso central (SNC) e o sistema imunológico.

      Atualmente, um grande corpo de estudos tem fornecido muitas evidências que revelam as comunicações bidirecionais entre os sistemas neuroendócrino, neurológico e o sistema imunológico. Muitos estudos também têm demonstrado que uma variedade de estressores físicos e psicossociais podem alterar a resposta imune através dessas conexões.

      O eixo hipotálamo-pituitária-adrenal (HPA) e o sistema simpático adrenomedular são os componentes neuroendócrinos e neuronais primários da resposta ao estresse. A liberação do cortisol a partir do córtex adrenal, das catecolaminas a partir da medula adrenal e da norepinefrina a partir dos terminais nervosos prepara o indivíduo para lidar com as demandas dos estressores metabólicos, físicos e/ou psicológicos e servem como mensageiros cerebrais para a regulação do sistema imunológico. Por outro lado, o sistema imunológico produz mensageiros químicos (citocinas) que desempenham um papel crucial em mediar as respostas inflamatórias e imunes e também servem como mediadores entre os sistemas imunológico e neuroendócrino. – Retirado de: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-44462004000300002

      Gostar

      • Olá Jacob! Adoro os teus comentários porque escreves como o raio 😆

        A única coisa que pode demorar é quando colocas mais de 5 ligações vai para a validação! Mas já aumentei para 8 ligações 😎

        Vou agora ler o que escreveste

        Infelizmente continuo a não receber ligações de estudos que me permitam ganhar o prémio 😦

        Abr 😉

        Gostar

        • Escreve bastante é verdade especialmente quando é um copy past chapado e com pronuncia brasileira que nem se deu ao trabalho de disfarçar. Não invalida a informação mas quer dizer alguma coisa sobre o mensageiro. Por muito bonita e “nova” seja essa informação, não só não prova nada como só está a dispersar o assunto. Só lhe falta meter os seres celestiais e os Rh negativos e fica os temas preferidos todos juntos…

          Fazendo o ponto da situação. Portanto o HIV não existe, se hipoteticamente se se pegasse em duas pessoas HIV negativas, se isolassem num ambiente controlado e as fizesse tomar drogas e álcool e sexo anal e más nutrições elas desenvolviam por geração espontânea SIDA.
          Por outro lado se hipoteticamente se se pegasse numa pessoa HIV positiva, e outra negativa, num espaço fechado sem sexo anal, sem álcool nem drogas e boa nutrição, não só a “SIDA” não se transmitia como também o que tinha SIDA a partida, se curava. É capaz de ser assim, nem vou discutir mais sobre isso.

          Fica sem explicar as donas de casa respeitáveis mães de filhos com SIDA que não têm comportamentos de risco mas têm SIDA, talvez por solidariedade e coincidência com o marido infiel e putanheiro. Talvez os comportamentos erráticos do marido se transfiram por osmose. Porque a SIDA não é transmissivel pelo sexo, não é transmissível, já vive dentro de nós a espera de ser abanada com a bixarada do rabo. O facto de se fazer seco com alguém seropositivo não interessa para nada, o importante é a abanadela retal.
          Fica por explicar os filhos que nascem com SIDA, talvez por coincidência de ter uma mãe infectada, ou talvez por comportamento promiscuo dentro do útero, realmente esta juventude começa na má vida cada vez mais cedo. Porque não existe um virus que atravessa a placenta, é tudo uma enrabadela intrauterina. Fica por explicar esses jovens, os que sobrevivem, não se livrarem da doença nem quando são acolhidos por famílias decentes que os tratam bem, talvez continuem a levar enrabadelas e a consumir droga nas pré primarias e primárias, um flagelo.
          Ou talvez não exista nada do que eu estou a dizer, talvez as pessoas que sofrem da doença e são acompanhas no centro de saúde sejam só vitimas de um histerismo coletivo. Talvez a realidade que os meus amigos construem atras deste ecrã seja mais valida que aquela que se vê de perto e em primeira mão, pelo menos é mais higiénica isso é garantido.

          Sugiro então meus caros, que passem a boa nova, procurem esses cordeiros idiotas que se deixaram apanhar nas malhas da conspiração, se convenceram que têm uma doença que não existe e é perfeitamente curável, livrem-nos dos venenosos medicamentos e façam-nos ser vegetarianos que aquilo passa-lhes. Ah espera, tudo o que vocês sabem sobre a doença é puramente teórico na verdade nunca conviveram com ninguém verdadeiramente infetado… :/ É uma pena talvez fosse a cura dessa pessoa, e quem sabe o ganhar do prémio monetário que o autor tanto quer, não o que existe mas um outro qualquer, talvez até podiam receber uma medalha ou coisa do género. Talvez fosse melhor porem estas ideias em prática, saírem do computador e tentarem ajudar realmente alguém e fazerem a diferença. Tentem! Talvez a luz os ilumine ainda mais, ou talvez percebam só o que é a realidade…

          Quanto a mim nada a fazer, já fui apanhado demais nas entranhas do monstro vou continuar a seguir as indicações com bases cientificas aceites e encaminhar aquelas pessoas, aquelas pessoas de verdade que andam e mexem (de certeza que já viram alguma), que me aparecem a cada passo a frente convencidas que têm essa coisa que não existe, tão convencidas que me aparecem como um farrapo de gente ao ponto de possuírem doenças que não deviam ter, aquelas com bicharada que se vê à séria. Então a bicharada dos pulmões é ao pontapé, se calhar é de andarem a cheirar rabos também, já que o segredo da doença esta no intestino. Mas vou continuar a manda-las para colegas meus mais diferenciados, para eles darem os medicamentos que matam a longo prazo, na esperança que as pessoas não morram a curto prazo na histeria coletiva de tão estupidas que elas são.

          Gostar

          • Olá H

            Não te preocupes que não fica nada por explicar, pois esta foi apenas a 1ª de muitas mensagens esclarecedoras do que como funciona o Complexo Mafioso Médico-Farmacêutico…

            Quanto a este teu comentário… Honestamente nunca li tanta idiotice em tão curto espaço de texto! Mas tudo terá resposta nas minhas futuras mensagens!

            Quanto às ligações que enviaste de imagens do “VIH”… O teu comportamento é a prova da total ignorância funcional que a classe “médica” evidência… Vocês sabem ler newsletters, e as circulares que chegam do canal superior, e olha lá!

            As imagens são de SIV e de partículas virais cultivadas em células PM-1 clonadas de Hut78 (T-Cell lymphoma cell lines)… Continuam estes mafiosos a serem incapazes de utilizar partículas virais de uma das tais pessoas que anda, que eles dizem ser “VIH+” e estar a manifestar os sintomas das doenças que foram habilmente arrastadas para a sombra da etiqueta SIDA…

            Tudo FRAUDE de uma ponta a outra! Lá se foi o prémio 😦

            “Fica por explicar os filhos que nascem com SIDA” Não há filhos a nascer com SIDA… E já agora, SIDA não é uma doença!

            Aconselho novamente a ler o estudo que lhe deixei a ligação! Outra vez para não ter desculpas de preguiça de ir procurar http://www.theperthgroup.com/MONOGRAPH/MTCTMay2005.pdf

            Convém também ler, senão todas as referências, pelo menos algumas…

            Continuação de bom dogma 😉 E deixe de intoxicar as tais pessoas que andam! O dinheiro e os passeios e os carros, não valem TUDO!

            Qual dos juramentos é que fez: Juramento de Hipócritas ou Juramento (a fazer figas) de Hipócrates?

            Gostar

            • LOL Não costumo usar esta “palavra” mas você faz-me rir. Pensei mesmo que fosse um gajo com mais tino que o outro idiota. Mas pelos vistos és igualzinho. Portanto para ti tem mais validade um teoria da conspiração obscura do que experiencia vista em primeira mão?! Mas diz-me quantas pessoas que sofrem de SIDA conheces?! Quantos já ajudaste?! É realmente muito fácil criar teorias, falar de cor e comentar assuntos no conforto da cadeira, no quente do quarto. Espero ao menos que não sejas um tritão parasita que vive a custa dos velhos e nunca fez nada da vida como o outro, deixa-me guardar um bocado do respeito que resta por ti.

              Deves achar que meia dúzia de artigos obscuros de gente que nem bióloga/virologista é, é prova suficiente da inexistência do HIV. Essa autora até tem uma teoria dos oxidantes outro grande LOL, sim alguma explicação tinha de dar. Mas também nunca essa autora disse, “com base na minha teoria curei pessoal com SIDA”, porque será?!

              SIDA não é uma doença?! Pois depende do que considerares doença, SIDA é um síndrome, que são um conjunto de sintomas resultantes da mesma etiologia que neste caso é níveis baixos e disfunção das células T CD4. Escolheste ignorar quando lhe disse que causas de ataque sistémico nunca podem ter um efeito tão especifico. A não ser que tenha um teoria para as CD4 serem as grandes afetadas por fatores que atacam todas as células do corpo. Tens?! Agora doença não é, talvez seja saúde com certeza.
              Tudo bem que não exista, o HIV seja outra coisa qualquer. Mas existe a SIDA, e esses medicamentos apesar dos efeitos secundários ajudam muito aqueles com SIDA, com o síndrome já instalado! Já vi acontecer, nem tens por onde pegar! Seja por vírus ou por outra coisa qualquer eles os medicamentos, resultam. Agora se queres teimar, teima à vontade, mostra-me é algo eficaz numa paciente com SIDA, e repara bem que estou a dizer com SIDA a letras bem maiúsculas e eu dou-te razão! Até lá, são as melhores armas que temos a disposição e nem a autora obscura dos estudos que falas te valem nisto!

              Gostar

            • Só mais uma coisa, bem pequenina que deixou de boca aberta no que escreveu. A sua convecção é tão fundamentada de firme que chega ao cumulo da idiotice de admitir a existência de SIV, que só por acaso está também relacionado com um sindrome bem parecida com aa SIDA humana mas em símios, mas afirma de pés juntos que é impossível existir um HIV nos animais mais aparentados com aqueles que são infetados pelo SIV. Quanto ao Hut78, espero bem que tenha escrito por escreveu por distração, porque a outra hipótese é que você seja um idiota! Vou pela parte mais simpática e partir do principio que não sabes ponta de biologia molecular. Pensa lá comigo, tens um vírus que infecta células T, (linfócitos T) do tipo CD4+, sabes que este tipo de linfócitos não é muito comum no sangue. Queres isolar um vírus que se multiplica dentro de uma célula pouco comum. O que fazes? Aumentas o numero de células onde ele se multiplica, mais células dessa mais vírus! E o que é um linfoma?! Eh lá é um “cancro das células sanguíneas”. Parece-te então que usar esta linha celular tira a validade a este estudo?! Enfim, sempre pensei que você fosses ligeiramente mais culto… Desiludiu-me 😦

              Gostar

          • Mas já agora… Só para RIR 😆

            “Mais de uma dezena de portugueses vencem VIH sem tratamento

            Foram infetados há mais de dez anos, mas o seu sistema imunitário tornou o vírus da sida inofensivo. Estudo sediado nos EUA procura uma explicação.
            Vera Lúcia Arreigoso
            9:02 Sábado, 9 de março de 2013″ Notícia publicada no expresso!

            Gostar

  9. Sinceramente… acho que aprendi mais neste post do que em toda a catrapuzada de artigos que já li na minha vida!…

    Sempre achei que valia a pena ter esperança, vale a pena, já vamos sendo muitos… beijos, beijos, crituras de luz! (acho que vou tomar ar fresco… OXIGÉNIO…e já volto…)

    ó Vòzitos, como é que se põem aqui aquelas carantonhas a rir e a chorar e essas coisas? 😎

    (se este blog comer mais um comentário meu… chamo os Bobis!…)ehehehe…grrr

    Gostar

    • Olá Fátima!

      Como podes verificar os dogmas são aceites assim à borla! Ninguém se dá ao trabalho de ir verificar a validação inicial! E como tal se o início foi uma fraude, tudo o que é baseado nessa fraude inicial, só pode ser igualmente fraude! Mas como sempre, o AMOR AO DEUS DINHEIRO vale mais que a vida de uns quantos milhões de animais humanos 😉

      Quanto às carantonhas vê aqui Atenção que para funcionarem os códigos têm que estar isolados! Se quiseres colocar uma carantonha dentro de uns ‘()’ tens que deixar espaços (espaço_códigodacarantonha_espaço). Nos textos igual sempre isolados!

      Bjs 😎

      Gostar

  10. 1..2…3… experiência… 1…2………..

    Bom dia!… gracias!… 😆

    Gostar

  11. Pingback: 689… | Nunca daria ciclo suficiente

  12. Bom dia amigo. Quero te dizer que estou a muito lendo seu blog, desde o tempo de boicotar. E vi que migrastes para cá. Lendo em um dos posts que fez citado aqui.
    “Na próxima mensagem sobre a Comédia Dogmática “VIH é a causa da SIDA” vos mostrarei uma droga bem mais barata e com efeitos secundários não letais, e que faz o mesmo que estas BOAS DROGAS que andam por aí a prescrever.”

    Gostaria de saber se já postastes essa matéria. E se não, quando ira postar e se será breve.
    Obrigado e continue com o blog.

    Gostar

    • Esqueci. Existe um livro aqui no – A Cura Pelo Limão Saulo Carrilho do Rego Barros, e outro de um médico – Receitas para ficar doente do Dr.Márcio Bontempo seu site -http://portalestarbem.com.br/2013/04/08/793/
      E também a AHT autohemoterapia divulgada pelo Dr. Luiz Moura. Terapias alternativas.

      Gostar

    • Olá Chandler!

      Não está esquecido! Vai sair ou já na minha próxima diarreia cerebral geral, ou então numa específica! Se conseguir comprimir o texto sai na próxima! Mas digo-te que nada tem a ver com as terapias que escreveste!

      Abraço 😎

      Gostar

  13. Agora eu entendi o que é o tal dr. H!!
    Pior não há!!
    Como gosto é de liquefazer a imbecilidade, afirmo que fecalistas não prestam e são ameaça de lesa humanidade, entendido que entendem que merda e gente são a mesma coisa, entendem que Vagina vale o mesmo que um imundo cu de lixo fecalista.
    Loogo, qualquer ente que afirme que porta da vida é aquilatada a um esgoto merece a extinsão, ou extingue-se os fecalistas ou a humanidade será extinta!

    Aos que usam o estúpido termo “homossexual” deixo uma obviedade, esse termo quer dizer “sexo igual” APENAS e nada mais, ou seja todos os homens são homossexuais entre si e todas as mulheres são homossexuais entre si!
    Até na escolha do termo os fecalistas estão embebidos em merda e consequentemente falam e escrevem MERDA.

    Não existe sexo entre mulheres, sexo é violação, penetração, o que existe é CARINHO< e toda mulher deve se acarinhar com outras em vez de deixar LIXOS tocarem em seus corpos, visxto que são os filhos dos LIXOS os FECALISTAS.
    Fecalistas só nascem de mulher que toma anticoncepcional, que é hormônio feminino, que com isso sabota o sistema hormonal da cria.
    A agenda do anticoncepcional É a agenda da SIDA e da afetividade fecalista!
    A outra forma de nascer fecalistas é de lixo que usa perfume, que usa desodorante, que usa gel no cabeço, roupinha da moda, brinco, e sobretudo lambe espelhos, e são exatamente esses lixos que mulheres que tomam anticoncepcional gostam de se arreganhar!
    Mulher que toma anticoncepcional não seleciona EM NADA, e entendido que o sexo na natureza depende primeiramente da SELEÇÃO escrutinante de Fêmeas, fica evidente que o que nasce de uma desseletiva é um MERDA, um LIXO, um degenerado.
    Lixos fecoafetivos são uma ameaça a humanidade.
    Quando uma fêmea de uma espécie para de selecionar o reprodutor, e entende que sua vagina é parquinho de diversão para lixos, essa espécie acaba.

    E ainda tem imbecil esperando o apocalipse!!
    Ele já chegou, já exterminou a humanidade e deixou no lugar golens de deus!
    Vide todas as profecias deuteronomiais!
    Agora buraco de merda é orgão sexual, reprodutor!

    Mulherada se vcs não selecionam, só o que nasce é merda e a prova do que afirmo é que agora até buraco de cagar é orgão reprodutor!
    E aí, ainda estão sentindo esse prurido bravo entre as pernas ou se tocaram que mulher que "é experiente sexualmente" não passa de uma vagabunda sabotadora?

    Se acham que estou errado me citem apenas um ser digno que tenha nascido depois da "liberdade sexual" de vossas vaginas.

    Se estivessem certas não existiriam professias apocalipticas, visto que essas só nascem da desesperança de uma espécie.
    E filhotes deixaram de ser esperança há muito, muito tempo, tanto tempo que hoje vossas vaginas valem um cu, e todos são orgãos sexuais!

    Gostar

    • 😆 o ‘H’omo asinus – como o apelido – não passa da pior escumalha salafrária da bata-branca! É escumalha como ele que ajuda a intoxicar animais boçais como a Alexandra, que dada a sua incapacidade para cuidar e equilibrar o seu organismo, entrega-o nas mãos de escumalha salafrária, e no final ainda faz vénia!

      É um circo que só visto!

      Gostar

Escreve um pensamento... E não te preocupes com nada! Tens neste espaço liberdade total para escreveres o que te apetecer e como te apetecer! Sem restrições!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s